Investimentos

Amortizar no Crédito Habitação ou investir?

Pedro Pais Pedro Pais , 21 Julho 2010 | 22 Comentários
Uma questão frequente que surge no Doutor Finanças é "o que fazer quando se tem algum dinheiro disponível: amortizar no Crédito Habitação ou investir (normalmente num depósito a prazo)?". Neste artigo, procuramos responder a esta questão.Na realidade a questão tem uma resposta muito simples mas que ao mesmo tempo não contempla toda a realidade. Em termos simplificados, devemos assumir que se a TAN do CH for superior à TAN do depósito a prazo então é preferível amortizar. Contudo, esta situação assume dois pressupostos que podem não ser exactamente verdade:
  1. É possível investir a poupança mensal na prestação do Crédito Habitação a uma taxa idêntica à do depósito a prazo com que estamos a comparar;
  2. Em caso de necessidade é possível voltar a contrair um crédito e obter liquidez financeira.
Com o objectivo de efectuar uma comparação entre as hipóteses (e tendo os pressupostos mencionados em mente), o FinancasPessoais.pt apresenta hoje uma ferramenta/simulador que lhe permite calcular qual a diferença (em termos de valor futuro) entre a opção de amortizar ou investir.Este novo simulador é bastante útil pois para além de permitir efectuar uma comparação financeira pode ser utilizado isoladamente como simulador de prestações de Crédito Habitação, simulador de amortizações antecipadas, simulador de depósitos a prazo e análise comparativa. Na prática, o simulador permite-lhe responder às seguintes questões:
  • Qual o impacto no Crédito Habitação de uma amortização antecipada, ao nível do valor da prestação mensal e do total de juros a pagar;
  • Qual o rendimento esperado de uma aplicação ao longo de um determinado prazo (com juros capitalizáveis ou simples);
  • Qual será financeiramente a opção mais vantajosa, investir no depósito a prazo ou amortizar no crédito habitação (assumindo prazos iguais e que a poupança mensal do Crédito Habitação é investida).
Para experimentar basta navegar até à página do simulador e carregar na imagem que está no início do artigo. Em caso de dúvidas ou esclarecimentos por favor deixe um comentário. Teremos todo o gosto em ajudá-lo. 🙂 
Partilhe este artigo
Etiquetas
  • #amortização,
  • #Crédito habitação,
  • #créditos,
  • #depositos a prazo,
  • #investimentos

Deixar uma resposta

23 comentários em “Amortizar no Crédito Habitação ou investir?

  1. Boa tarde,

    Tenho ouvido que caso Portugal saia do Euro as dívidas que temos aos bancos permanecem nesta moeda enquanto que os ordenados voltam ao escudo (ou a qualquer outra moeda que definam).

    É assim?
    Significará isto que, se devo 50.000 e ganho 1000 eur, saindo do eur o ordenado passa valer por exemplo 750 eur e os 50000 eur passam a 75000 eur? (não faço obviamente ideia do valor da desvalorização, é só um exemplo).

    Obrigada
    CFerreira

  2. @Carlos,

    Sendo assim, vamos por partes. Com a venda concretizada, irá amortizar a totalidade da divida. Prepare-se para pagar uma comissao sobre o valor em divida- 2% se for taxa fixa ou 0,5% se tratar de taxa variavel-, portanto o remanescente será bem menor do valor que menciona.

    Agora com a liquidez que dispoe, aconselho vivamente a liquidar tambem o credito pessoal. Isto porque, em regra geral os juros desse tipo de credito são bastante superiores ao que pode receber se investir por exemplo num deposito a prazo.
    Também aqui deve averiguar se existe comissao de liquidação da divida.

    Depois destas duas operaçoes, e tendo em conta a conjectura actual e o seu perfil de risco deverá apostar em investimento com baixo risco. Hoje em dia, existem já existem depositos a prazo com taxas atractivas, basta para isso consultar o seu banco.

    cumprs,