Utilidades

Prestação de crédito após alteração da Euribor

Utilidades

Prestação de crédito após alteração da Euribor

Como já terá ouvido, quando a Euribor se altera a prestação da maioria dos créditos é também alterada, uma vez que a taxa de juro subjacente se modificou. Com a presente ferramenta pode saber de que forma a revisão da Euribor se reflectirá na sua prestação, conhecendo de forma antecipada o impacto no seu orçamento.

Dados para a simulação

%

Resultado da simulação

Sem dados
Insira valores acima para ver os resultados da simulação
Erro de processamento

Mês da euribor a aplicar {[{ nomes_meses[result.mes_base.mes-1] }]}/{[{result.mes_base.ano}]}
Euribor a aplicar {[{ result.euribor | number:3 }]}%
TAN {[{ result.tan | number: 3 }]}%
Juros {[{ result.juros | currency: '€' }]}
Capital {[{ result.capital | currency: '€' }]}
Nova Prestação {[{ result.prestacao | currency: '€' }]}

Partilhe este artigo
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe uma resposta

Insira o seu nome

Insira um email válido

171 comentários em “Prestação de crédito após alteração da Euribor
  1. Entrou hoje em vigor a Lei n.º 32/2018, de 18 de julho, que institui a
    obrigatoriedade de as instituições de crédito refletirem totalmente a
    descida da Euribor nos contratos de crédito à habitação, alterando o
    Decreto-Lei n.º 74-A/2017, de 23 de junho.

    Esta Lei é aplicável aos contratos de crédito destinados a financiar a
    aquisição ou a construção de habitação própria permanente, secundária
    ou para arrendamento.

    Por força destas regras, nas situações em que a soma do indexante com
    o spread resultar numa taxa de juro negativa, as instituições de
    crédito estão obrigadas a refletir integralmente essa taxa nos
    montantes a pagar pelos clientes no âmbito dos contratos em causa.
    Para o efeito, as instituições de crédito podem optar por:

    Deduzir o valor negativo apurado ao capital em dívida na prestação vincenda; ou
    Constituir um crédito a favor do cliente, o qual será deduzido aos
    juros vincendos a partir do momento em que estes passem a ser
    positivos. Se, no final do contrato, ainda existir um crédito a favor
    do cliente, as instituições devem proceder ao respetivo pagamento.

    As alterações previstas na Lei n.º 32/2018, de 18 de julho, aplicam-se
    aos contratos de crédito que venham a ser celebrados após a entrada em
    vigor deste diploma, bem como aos que já estejam em curso.

    Relativamente aos contratos de crédito em curso, as instituições de
    crédito devem, no prazo de 10 dias após a entrada em vigor da Lei,
    apurar o valor resultante da soma do indexante vigente com o spread e,
    caso o valor apurado seja negativo, adotar as diligências necessárias
    para assegurar a dedução desse valor ao capital em dívida na prestação
    vincenda subsequente ou, se for essa a sua opção, para que seja
    constituído um crédito a favor do cliente.

    1. Olá,

      Obrigada pela sua pergunta.

      Lamentamos não ter conseguido responder a esta questão em tempo útil, mas tivemos um pico muito grande de comentários e não nos foi possível responder a todos. Sugerimos que, caso ainda considere pertinente, deixe um novo comentário no nosso portal. Neste momento já estamos a conseguir normalizar a capacidade de resposta.

      Recordamos que o nosso portal é atualizado diariamente com muita informação sobre variados temas.

      Se tem interesse por algum tema específico, pode sempre utilizar a caixa de pesquisa do site para limitar os resultados aos temas que mais lhe interessam.

  2. Podiam me explicar como e que numa dívida habitação de 88000 euros spreed 0.25 restando 300 meses e alteração Euribor 6 meses no mês de novembro se deve comportar o banco, e que a mim da me uma prestação de +-25 Euros mas qual será o valor da amortização da dívida

    1. Olá,

      Obrigada pela sua pergunta.

      Lamentamos não ter conseguido responder a esta questão em tempo útil, mas tivemos um pico muito grande de comentários e não nos foi possível responder a todos. Sugerimos que, caso ainda considere pertinente, deixe um novo comentário no nosso portal. Neste momento já estamos a conseguir normalizar a capacidade de resposta.

      Recordamos que o nosso portal é atualizado diariamente com muita informação sobre variados temas.

      Se tem interesse por algum tema específico, pode sempre utilizar a caixa de pesquisa do site para limitar os resultados aos temas que mais lhe interessam.

  3. Olá, boa tarde,
    Como habitualmente, recebi carta do banco a informar sobre o plano de prestações a vigorar no próximo semestre. Dizem-me que será de cerca de € 320.
    No entanto, o vosso simulador diz-me que será de € 26,54. Haverá algum lapso? É que a diferença é enormeee! 🙂 Fico a aguardar. Muito obrigada!

    1. Olá, Cristina.

      Não terá ocorrido algum lapso quando inseriu algum dos valores? Nomeadamente no número de prestações em falta ou no valor em divida. 🙂

      Contudo, devo recordar que estes valores são indicativos, pelo que deverá sempre ter em conta os valores fornecidos pelas instituições próprias.

      1. Olá boa tarde! Confirmei por várias vezes os valores e o resultado é sempre o mesmo. Eventualmente estará o banco a enganar-me, uma vez que a taxa está neste momento negativa? Posso deixar-lhe os dados e diz-me que valor encontra? O meu empréstimo é indexado à Euribor a 6 meses, sendo a próxima atualização a acontecer no fim deste mês (novembro) e até abril 2021. Tenho spread de 0,4%. O capital em dívida é neste momento de 85990,91 e faltam liquidar 270 prestações. Muito obrigada! 🙂

      2. Olá,

        Obrigada pela sua pergunta.

        Lamentamos não ter conseguido responder a esta questão em tempo útil, mas tivemos um pico muito grande de comentários e não nos foi possível responder a todos. Sugerimos que, caso ainda considere pertinente, deixe um novo comentário no nosso portal. Neste momento já estamos a conseguir normalizar a capacidade de resposta.

        Recordamos que o nosso portal é atualizado diariamente com muita informação sobre variados temas.

        Se tem interesse por algum tema específico, pode sempre utilizar a caixa de pesquisa do site para limitar os resultados aos temas que mais lhe interessam.

      3. Olá Carolina
        Enviei-lhe os dados do meu contrato para que me ajude a perceber se o meu banco se estará eventualmente a enganar. No entanto, o meu último comentário já não aparece aqui…
        Pode ajudar? Obrigada!

      4. Olá, Cristina.

        Não aprovamos comentários que contenham contactos pessoais.

        Para ver o seu caso analisado por um dos nossos consultores deve, na barra superior do site, carregar em “Como podemos ajudar?”, escolher a opção que pretende e preencher o formulário na página. Por outro lado, pode também enviar um email para info@doutorfinancas.pt acompanhado de uma breve explicação do seu caso.

        Teremos todo o gosto em ajudar! 🙂

    2. acontece me o mesmo acho que é por a euribor ser baixa e a TAN ficar negativa este simulador não funciona??? mas os bancos estao obrigados a assumir a TAN nos emprestimos mais antigos e não tinham a clausula de TAN zero

      1. Olá.

        Lamentamos, mas este simulador está com problemas. Estamos a tentar resolver.