Carreira e Negócios

Simulador de Salário Líquido 2020

O simulador de salário líquido 2020 ajuda-o a saber quanto vai receber na conta bancária no final do mês.

Sofia Serrano Sofia Serrano , 14 Janeiro 2020 | 46 Comentários

O Simulador de Salário Líquido 2020 vai permitir-lhe calcular o seu vencimento e saber quanto vai receber, este ano, já com descontos.

Calcule qual será o seu salário líquido, com base nas novas tabelas de retenção na fonte (só disponíveis para o Continente) e compare com o seu rendimento actual.

Dados para a simulação

Agregado familiar
Rendimentos
%
Subsídio Refeição

Resultado da simulação

Sem dados
Insira valores acima para ver os resultados da simulação
Erro de processamento

Rendimento tributável{[{ result.tributavel | currency: '€' }]}
Retribuição extra+{[{ input.extra | currency: '€' }]}
Duodécimos+{[{ result.subsidios | currency: '€' }]}
Subs. de alimentação Subs. de alimentação (parte não tributada)+{[{ result.subsidio_refeicao | currency: '€' }]}
Outros rendimentos não tributáveis+{[{ input.outros_isentos | currency: '€' }]}
Taxa retenção irs (rendimentos){[{ result.taxa * 100 | number: '2' }]}%
Taxa retenção irs (duodécimos){[{ result.taxa_de_duodecimos * 100 | number: '2' }]}%
Retenção irs (rendimentos{[{ result.duodecimos_retencao > 0 ? ' + duodécimos' : '' }]})-{[{ result.retencao| currency: '€' }]}
Retenção retribuição (ret. extra)-{[{ result.retencao_extra| currency: '€' }]}
Contribuição para Segurança Social-{[{ result.seg_social | currency: '€' }]}
Vencimento líquido{[{ result.valor_liquido | currency: '€' }]}
Custo total para a empresa{[{ result.custo_total_empresa | currency: '€' }]}
Tabela de Retenção na fonte: {[{ input.localizacao.descricao }]}
Situação: {[{ input.situacao.descricao }]} - Deficiente
Remuneração MensalNúmero de dependentes
{[{ dep.descricao }]}
até {[{ linha.max | currency : '€' }]} mais de {[{ linha.min | currency : '€' }]} {[{ linha[dep.numero] * 100 | number : '2' }]}%

Garanta o preenchimento correto de todos os campos abaixo para o cálculo correto do seu Salário Líquido 2020.

Esta ferramenta pode ser utilizada por funcionários do sector público e privado e tem em conta a contribuição para a Segurança Social, bem como o pagamento em duodécimos dos subsídios de férias e de Natal.  

O que precisa de saber para simular o Salário Líquido? 

  • Qual o seu salário base
  • Situação matrimonial
  • Número de dependentes; 
  • Como vai receber os seus subsídios de Natal e Férias (por inteiro ou duodécimos e no segundo caso se são os dois subsídio em duodécimos); 
  • Valor subsídio de refeição e como o vai receber (remuneração ou numerário) 

Nota: Não se esqueça de que é importante referir o número de dias recebidos. Se receber uma proposta a tempo parcial e só trabalhar 3 dias por semana, só receberá subsídio de refeição pelos dias trabalhados. 

Fazer as contas ao seu Salário Líquido anualmente é tão fundamental como renegociar os seus créditos, serviços e prestações. Assim esperamos que esta ferramenta o ajude no planeamento das suas finanças pessoais e da sua poupança.

Como calcular o Salário Líquido sozinho?

O Salário Líquido é o montante do seu vencimento bruto que vai receber após as deduções das contribuições e impostos.

Para saber quanto vai ter na sua conta ao final de cada mês, vai ter de calcular a diferença entre o seu salário bruto e os descontos para Segurança Social e de IRS.

Salário líquido = salário bruto - descontos de segurança social - descontos de IRS

Assim, para calcular o seu vencimento líquido sozinho deve saber qual o seu escalão nas tabelas de retenção de IRS 2020, bem como o valor que vai deduzir para a segurança social, que corresponde a 11% do seu vencimento bruto.

O subsídio de refeição é um valor somado ao valor líquido, mas também pode estar sujeito a deduções. Assim, deverá saber qual o valor do mesmo, bem como o meio em que vai receber (cartão ou remuneração).

Outras ferramentas Doutor Finanças:

Partilhe este artigo

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)

48 comentários em “Simulador de Salário Líquido 2020

    1. Olá, Lourenço.

      Assim de repente, com base num cálculo rápido, parece ser os 23,5% de TSU pagos à Segurança Social por parte da empresa.
      Naturalmente que há outros custos que a empresa tem com o trabalhador (seguro contra acidentes de trabalho, materiais para garantir condições de trabalho, água, luz, etc), mas este é o único mais ou menos fixo para a maior parte dos casos.

    1. Olá, Fernando.

      Não conheço nenhum. Mas se fizer uma simulação colocando o rendimento nos anexos correspondentes para os rendimentos obtidos em território nacional (A para rendimentos do trabalho por conta de outrem, B para rendimentos do trabalho independente, G para mais valias, etc), é capaz de ficar com uma ideia bastante aproximada…

  1. Boas, recebo o salário mínimo sou funcionário público e tenho uma filha de 3 anos. Não faço descontos para o IRS é normal ter de pagar 285 euros? Já o ano passado paguei 30 euros. Cumprimentos

    1. Olá, Pedro.

      Acho que pode depender das suas deduções à coleta (tem pedido faturas com os vossos NIFs? A maior parte das deduções à coleta vem daí). Ou de ter outros rendimentos…

      Pode-me indicar os valores que lhe aparecem na simulação de IRS?

  2. Boa tarde.
    Sou trabalhador de uma empresa de trabalho temporário destacado para trabalhar no estrangeiro , nomeadamente em França.
    Tenho um contrato de trabalho com ordenado base de 800 euros , recebo os subsídios de férias e de natal em duodécimo , não recebo subsidio de alimentacao.
    Sou divorciado , sem dependentes.
    Quais seriam os valores de descontos de Segurança social e IRS?

    Porque meus descontos andam a volta dos 205 euros, seria tudo isto?

    Obrigado.

    1. Olá.

      Recebe mais algum valor para lá do ordenado base e dos duodécimos? E está a descontar por Portugal ou pela França?

      Tendo em conta apenas os valores que indica e que a soma da retenção na fonte para IRS com a contribuição para a SS não chega a 20%, o valor que indica parece-me efetivamente excessivo.

      Mas o recibo de vencimento não ajuda a esclarecer?