Crédito

Como acabar com as dívidas – principais estratégias e mecanismos (vídeo)

No início deste ano o Boonzi organizou evento "Preparar o Futuro Financeiro

Catarina Alves de Sousa Catarina Alves de Sousa , 26 Maio 2015 | 3 Comentários

No início deste ano o Boonzi organizou evento "Preparar o Futuro Financeiro dos Portugueses", no qual o Rui Bairrada foi convidado em nome do Doutor Finanças para abordar o tema "Como Acabar com as Dívidas". Veja aqui o vídeo da apresentação e conheça alguns dos mecanismos recomendados no combate ao endividamento.

No vídeo são ainda abordados os seguintes temas:

  • Os principais sintomas de doença financeira
  • Mecanismos de Combate ao Endividamento
  • Conselhos para começar a acabar com as dívidas
  • Estratégia de liquidação de créditos

Pontos-chave abordados na apresentação "Como Acabar com as Dívidas"

  1. Em média um português tem 7 créditos (não contam apenas o dos bancos, mas também os das lojas e das grandes superfícies comerciais);
  2. As dívidas com créditos começam quando se alteram as opções de pagamento dos cartões de 100% para um valor inferior;
  3. Um dos principais sintomas de doença financeira é a atribuição de culpa a outras pessoas ou circunstâncias (Governo, Troika, crise,...);
  4. No site do Banco de Portugal pode ser consultado o nosso Mapa de Responsabilidades e, consequentemente, a lista das dívidas que temos para com a banca;
  5. Neste momento, em Portugal, 66 pessoas por dia estão a pedir insolvência pessoal;
  6. Existem várias formas de acabar com as dívidas. Uma delas, através da consolidação de créditos, outra através da renegociação de créditos.
  7. Se tiver vários créditos e possibilidade de os começar a liquidar, deverá começar por liquidar o que tem a taxa de juro mais elevada. A maioria das pessoas tem tendência a acabar primeiro com o crédito cuja mensalidade pesa mais no orçamento mensal, mas esta é uma estratégia errada. Na verdade, o crédito que deve ser liquidado primeiro é o que tem a taxa de juro mais alta, independentemente do valor da mensalidade.

Esta apresentação dá-lhe uma ideia de como e por onde começar a organizar-se para acabar com as dívidas, mas se estiver numa situação particularmente complicada contacte directamente a equipa do Doutor Finanças preenchendo o formulário que se encontra no final desta página.

Algumas fotos do evento

As restantes apresentações do evento ficaram a cargo de João Saleiro (Boonzi), Pedro Torres (Novo Banco) e Bárbara Barroso (convidada do Contas Connosco). Pode ver os vídeos das apresentações do João Saleiro e do Pedro Torres. 🙂

Partilhe este artigo
Etiquetas
  • #acabar com dívidas,
  • #como acabar com as dívidas,
  • #dívidas bancos,
  • #dívidas fiscais,
  • #renegociação de créditos,
  • #sair das dívidas

Deixar uma resposta

3 comentários em “Como acabar com as dívidas – principais estratégias e mecanismos (vídeo)

  1. A dívida é um problema muito difícil. Todo mundo tem dívidas, eu tenho 5 créditos e não tenho orgulho disso. Nós temos situações diferentes na vida, boas e ruins. O que fazer quando você realmente precisa de dinheiro? Claro, as pessoas vão ao banco ou à loja e aceitam um empréstimo. E então eles reclamam que eles têm dinheiro suficiente. Eu acho que as pessoas deveriam pagar mais, então haverá menos crédito. obrigada

  2. Olá boa noite eu tenho uma dividida duma casa que eu já não tenho foi entregue ao banco Santander mas estou a pagar à uma financeira à dividida é de 50,000 € que me aconselha fazer

    1. Boa tarde João Campos,
      Agradecemos o seu comentário.
      Não dispomos de informação suficiente sobre o seu caso. Caso queira dar mais informação, teremos todo o gosto em ajudar.
      Obrigada.