Bem-estar

Páscoa: 4 dicas para reunir amigos e família sem deixar de poupar

A Páscoa está aí e com ela a necessidade de ter dicas para poupar nas celebrações. Saiba como celebrar sem desquilibrar o orçamento familiar.

Bem-estar

Páscoa: 4 dicas para reunir amigos e família sem deixar de poupar

A Páscoa está aí e com ela a necessidade de ter dicas para poupar nas celebrações. Saiba como celebrar sem desquilibrar o orçamento familiar.

Depois de dois anos em que as celebrações pascais foram bastante limitadas devido ao confinamento imposto no âmbito da pandemia da Covid-19, este ano, a Páscoa vai, certamente, ter um sabor especial para muitas famílias em Portugal.

Assim, para que possa voltar a reunir a família e os amigos, sem comprometer o seu orçamento familiar, seguem-se algumas dicas para poupar.

Almoço de Páscoa

Uma das tradições mais importantes desta época é sem dúvida o almoço de Páscoa. Para que possa poupar, siga as seguintes dicas:

  • Prefira almoçar em casa em detrimento de ir a um restaurante;
  • Prepare a refeição em casa, incluindo as sobremesas;
  • Aproveite as promoções para comprar tudo o que necessita para a preparação do almoço. Pode optar por produtos perto da data de fim de validade, pois alguns supermercados vendem-nos a preços mais baixos.
  • Se os seus familiares ou amigos se oferecerem para levar as bebidas ou as sobremesas, por exemplo, aceite;
  • Faça em casa os ovos de chocolate para dar às crianças. Pesquise receitas na internet, pois existem várias. Pode inclusivamente aproveitar e vender estes produtos. Divulgue-os junto de familiares ou amigos e nas redes sociais. Desta forma, além de poupar, pode ainda ganhar um dinheiro extra.

Leia ainda: Não planeia as suas compras? Estas 6 dicas de poupança são para si

Decoração

Está a pensar comprar artigos alusivos à Páscoa para decorar a sua casa? Esqueça. Use a sua imaginação e faça você mesmo a decoração. Está sem ideias? Basta uma pesquisa na internet para encontrar variadíssimas sugestões que vão decerto surpreender os seus convidados. Depois, é colocar mãos à obra.

Se tiver crianças em casa, peça-lhes ajuda para preparar a decoração da Páscoa. Elas vão adorar fazer parte deste processo.

Se no entanto, por falta de tempo, ou porque simplesmente pensa que não tem jeito para a realização deste tipo de tarefas, e não dispensa as tradicionais decorações, pondere comprar este tipo de produtos apenas após a Páscoa (e ficam para utilizar no ano seguinte). Isto porque, depois de terminada a época festiva, o preço dos produtos alusivos à mesma baixam.

Pondere ainda guardar as decorações, seja as que comprou ou as que foram feitas por si, para utilizar no ano seguinte tal como estão ou para que sejam reinventadas.

Leia ainda: 10 dicas para poupar em presentes para todas as ocasiões

Presentes para os afilhados

Para muitas famílias, os presentes para os afilhados não podem faltar na Páscoa, tal como as tradicionais amêndoas ou os ovos de chocolate.

No que diz respeito às guloseimas, e como já sugerimos, pode fazer os ovos de chocolate em casa. Use a sua criatividade para embalá-los. Pode utilizar materiais que tenha por casa, como fitas, plásticos, cartão, papel, tecidos, entre outros.

Em relação aos presentes e de forma a não gastar muito dinheiro, deve aproveitar ao máximo as promoções que as lojas e as grandes superfícies comerciais fazem. Utilize os cartões de fidelização pois, por norma, dão acesso a campanhas exclusivas.

Se souber, com alguma antecedência, o que o seu afilhado gostaria de receber, pode comprar mais cedo e aproveitar alguma oprtunidade ou melhores preços.

Ramos para os padrinhos

Se vive esta quadra de uma forma tradição, está, certamente, a pensar que se deve oferecer aos padrinhos ramos de flores no domingo anterior à Páscoa. Para que consiga poupar e não deixar de surpreender os seus padrinhos ou os dos seus filhos, analise qual das seguintes dicas mais o pode ajudar:

  • Se tiver um jardim com flores, ótimo. Faça um ramo com elas. Se não tiver, pode aproveitar a deixa e começar a plantá-las. Mesmo que viva num apartamento e não tenha muito espaço, pode cultiva-las no terraço ou na varanda.
  • Se tem amigos ou familiares com jardins, veja se podem ajudá-lo a fazer os seus ramos.
  • Se contudo, por falta de tempo ou de criatividade, não dispensar um ramo já feito, compare os preços praticados entre os supermercados e o comércio local e decida-se pelo que for mais leve para a sua carteira.

Leia ainda: Feriados e pontes de 2022: conheça o calendário e organize as suas férias

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe o seu comentário

Indique o seu nome

Insira um e-mail válido

Fique a par das novidades

Receba uma seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser para receber a seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser
Obrigado pela subscrição

Queremos ajudá-lo a gerir melhor a saúde da sua carteira.

Não fique de fora

Esta seleção de artigos vai ajudá-lo a gerir melhor a sua saúde financeira.