IRS

Vale a pena pedir fatura com NIF?

"Vale a pena pedir factura com NIF" ainda é uma pergunta feita por muitos portugueses. Neste artigo, explicamos-lhe porque é que este pequeno gesto é tão importante.

Pedro Pais Pedro Pais , 5 Julho 2015 | 57 Comentários

Há dias perguntaram-nos se quem recebe sempre reembolso no IRS tem algo a ganhar em pedir fatura com número de contribuinte (NIF). A resposta é "sim", vejamos porquê.

Ser reembolsado não significa que não pague IRS

Ao contrário do que muitos pensam, quando se é reembolsado, tal não significa que não se pague qualquer IRS. Em muitos casos, o que acontece é que a soma das retenções (IRS pago em adiantado nos ordenados mensais) é superior ao apuramento anual do imposto.

A forma fácil de ver qual é o imposto que efectivamente paga é consultando o campo n.º 21 da nota de liquidação (colecta líquida) de IRS, que lhe é enviada pela Autoridade Tributária (ou solicitar gratuitamente no portal das finanças). Se esse campo for superior a zero, então quer dizer que paga IRS (ainda que tenha recebido algum reembolso), pelo valor aí indicado.

Assim, se habitualmente paga IRS (ou passará a pagar), deve procurar maximizar as deduções à coleta, o que nos leva ao próximo ponto.

Leia ainda: Como utilizar o reembolso do IRS para ter uma vida financeira estável

Despesas só são aceites com NIF

Desde 2015 que a generalidade despesas que diminuem o IRS (deduções à coleta) só são aceites se incluírem o NIF do adquirente, entre as quais se incluem as de educação, de saúde, as despesas gerais familiares e ainda aquelas que permitem recuperação de parte do IVA suportado.

Portanto, pedir que as faturas incluam o seu NIF é fundamental para a sua aceitação no IRS.

Combate à fraude fiscal

A fraude fiscal custa muito dinheiro à generalidade dos cidadãos cumpridores. É a velha máxima: "se todos pagarem, todos pagam menos".

Com a implementação do e-fatura, solicitar que as faturas das aquisições incluam o seu NIF torna menos provável que as mesmas não sejam devidamente comunicadas à Autoridade Tributária, uma vez que consumidor pode verificar no portal e-fatura se a fatura aparece, o que terá algum impacto na diminuição da fraude.

Questões de privacidade à parte (legítimas e não de menor importância), solicitar fatura com NIF é contribuir para o bem comum, com um esforço próximo de zero.

Sorteio viaturas

Por último, solicitar faturas com NIF permite-lhe concorrer semanalmente a uma viatura oferecida pela Autoridade Tributária, ainda que seja reduzida a probabilidade de lhe vir a sair o prémio.

Já agora! Se está a preparar as suas faturas para a entrega da sua declaração de IRS, aproveite e leia o nosso artigo "como organizar as despesas dedutíveis no IRS" e não deixe escapar nenhuma despesa. 🙂

Partilhe este artigo
Etiquetas
  • #deduções à colecta,
  • #deduções fiscais,
  • #e-factura,
  • #fraudes,
  • #IRS

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)

64 comentários em “Vale a pena pedir fatura com NIF?

  1. Bom dia, pedi um trabalho a uma suposta empresa, que me cobrou 750euros, nao acabou o trabalho e nao me da a factura visto eu ja ter pago em a 7 de junho. O que posso fazer para denunciar as financas este comportamento?

  2. Quando registo as minhas facturas, no portal das finanças, o que faço todos os dias, assim que chego a casa, deparo-me com um problema, há facturas, principalmente a de super mercados, que trazem 3 ivas diferentes, conforme o artigo que se compra, comida 6%, perfumes 23% etc , e fico sempre na dúdida qual colocar, então opto pelo valor total da factura, e coloco os 23%, não o faço com nenhuma intenção, mas sim convicto que nas finanças alguém deteta o erro e corrigi, porque nós como consumidor, não temos acesso a essa operação.
    Muito obrigado pela atenção
    caso fosse possível, alguém esclarecer-me
    Obrigado, rui Seleiro

  3. Bom dia,

    Sigo este site e sou subscritor da newsletter porque é de facto um site de referência para mim. Já o aconselhei várias vezes.

    Eu gostaria de ver respondia a questão do Tomás Limpo pois estou exactamente com as mesmas dúvidas.

    Aguardo uma resposta. Obrigado