Mobilidade

Tenho via verde, preciso de me preocupar com as SCUT?

Saiba como a Via Verde pode ser um excelente aliado no pagamento das portagens de autoestradas conhecidas como SCUT.

Bárbara do Carmo Bárbara do Carmo , 27 Outubro 2020

A Via Verde é um sistema de pagamento de portagens eletrónico implementado em Portugal em 1991. Há quase 30 anos que facilita a vida dos automobilistas, evitando que fiquem nas filas para pagar as portagens e assegurando que não pagam multas por se esquecerem de pagar as portagens das autoestratadas conhecidas como SCUT - sem custos para os utilizadores. Mas como funciona realmente a Via Verde no pagamento das SCUT? Estou realmente livre de multas?

Perceba como funciona o que pode ter de fazer.

O que são as SCUT?

As Portagens Sem Custo para os Utilizadores foram criadas no Governo de António Guterres, em 1997, e eram financiadas exclusivamente pelo Estado. Este modelo persistiu até 2011, altura em que começaram as ser cobradas aos automobilistas. Naquela altura, foram colocados pórticos nas autoestradas e começaram a ser cobrados valores pela passagem naqueles percursos, através de portagens exclusivamente electrónicas. Apesar de agora serem pagas, ficaram conhecidas como SCUT.

Como posso pagar as SCUT através da Via Verde? 

Como são portagens electrónicas as SCUT não permitem que o pagamento seja feito na hora, seja em dinheiro ou cartão de crédito, à semelhança do que acontece com as portagens físicas. Para pagar as SCUT é necessário fazê-lo à posteriori (48 horas depois da passagem) e durante os 5 dias úteis seguintes é possível fazê-lo num balcão CTT, ou na payshop. Depois desse período só é possível fazer o pagamento através das concessionárias de autoestradas por onde passou.

Se for o caso, terá de consultar o site da concessionária de autoestradas por onde passou. Tem o Portal das Portagens, o Via Verde ou o da Ascendi.

A outra forma de pagar SCUT, mais prática é a Via Verde, através do dispositivo, que custa 29€, no caso de comprar o equipamento. Pode ainda optar por uma espécie de aluguer, em que só paga consoante o uso. A passagem nos pórticos é posteriormente debitada da sua conta bancária, sem que tenha que se preocupar. 

Sempre que passar num pórtico o dispositivo emite um sinal sonoro que demonstra que está em pleno funcionamento. 

Além de garantir os pagamentos em todas as SCUT, a Via Verde permite-lhe ainda circular em toda a rede nacional de autoestradas, pagar parques de estacionamento, abastecer combustível, sem que tenha que se incomodar com o pagamento, uma vez que os valores são debitados da conta associada ao dispositivo. Os débitos podem ser mensais, trimestrais ou semestrais conforme a opção que mais lhe convier. 

A Via Verde pode ser uma excelente aliada na sua gestão financeira doméstica. Com ela consegue monitorizar os seus gastos em deslocações e ainda evita esquecimentos no pagamento de SCUT, assegurando que não terá nenhuma surpresa desagradável.

Leia ainda: O que posso pagar com a Via Verde?

Partilhe este artigo
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)