Bem-estar

Torne a sua casa numa Smart Home e reduza a sua despesa energética

As soluções de domótica, automação e a conectividade nas casas inteligentes têm um grande impacto na poupança de energia.

A Internet das Coisas (Internet of Things) veio revolucionar a forma como nos conectamos e coexistimos com os nossos equipamentos, não só no setor industrial, nas empresas e fábricas, como também em nossas casas e no nosso dia a dia.

Os conceitos de casa inteligente (Smart Home), automatização ou domótica estão cada vez mais presentes no nosso quotidiano e têm como principal objetivo melhorar o nosso conforto, segurança e também permitir uma poupança de energia. Através de equipamentos inteligentes somos capazes de nos conectar via Wireless através de uma app e controlar as suas ações.

O principal foco deste conceito é que todos os seus equipamentos estão não só conectados a si, mas também estão conectados entre si, permitindo gerir todo este ambiente de acordo com as suas preferências e necessidades.

O mercado apresenta-nos atualmente um conjunto de soluções que permitem transformar as nossas casas em verdadeiros ecossistemas inteligentes, conectados, e preparados para lhe fornecer dados concretos para analisar o seu consumo energético. Paralelamente, oferecerem a possibilidade de executar ações que lhe permitirão uma poupança de energia, representando vários euros na sua fatura.

Hoje, mais do que nunca, os smartphones e tablets assumem um papel de maior destaque nas nossas vidas, permitindo-nos também controlar iluminação, eletrodomésticos, televisões, câmaras de vigilância, tudo isto através da conectividade e da Inteligência Artificial.

Domótica: gestão inteligente para uma poupança inteligente

O mercado apresenta-nos hoje diversas soluções de domótica para casas inteligentes. Estas soluções e equipamentos permitem fazer uma gestão das ações dos nossos equipamentos, possibilitando que possamos executar ações que nos poupam energia, como por exemplo:

1. Automatizar e temporizar a iluminação das diversas divisões da casa, complementando com detetores de movimento/presença;

2. Controlar e fazer uma gestão do aquecimento da habitação;

3. Programar a iluminação num local específico, sistemas de rega, entre outros;

4. Automatizar as subidas e descidas de estores por forma a ter um aproveitamento da luz natural;

5. Criar e editar diversos cenários de ambiente;

6. Monitorização do consumo energético.

Ao interagir com a casa poderá escolher, com comodidade, os melhores cenários para o seu dia a dia, adaptando-os para que haja uma poupança energética significativa.

“Hey, Alexa! Ok, Google! Siri!”

Amazon, Google e Apple são 3 das empresas que se encontram atualmente na vanguarda dos assistentes virtuais, equipamentos que lhe permitem controlar com a sua própria voz todos os equipamentos inteligentes e conectados na sua casa.

Mas de que forma podem estes equipamentos ajudar na redução do consumo energético? Vamos pensar em simples ações do dia a dia. Quantas vezes não está no sofá e se esqueceu de apagar aquela luz, mas não se quer levantar para a apagar? Deixou o aquecimento ligado noutra divisão e pretende desligá-lo? Esqueceu-se de desligar o computador que está ligado a uma tomada inteligente no escritório?

Estas são algumas ações que pode executar por controlo de voz e que lhe irão poupar, cêntimo a cêntimo, vários euros na fatura de energia no final do ano.

Deve ter em atenção que para criar todo um ecossistema conectado não lhe basta ter um assistente virtual, deve ter um conjunto de equipamentos que se possam ligar à Internet para comunicar entre si, eletrodomésticos inteligentes, televisões inteligentes, tomadas inteligentes, termostatos inteligentes, entre outros.

Fora de casa? E agora como posso poupar?

Mesmo fora de casa pode assegurar-se que está a ser energeticamente eficiente. A monitorização de equipamentos e controlo de ações pode ser efetuada remotamente através do seu smartphone ou tablet.

Saiu de casa e esqueceu-se do ar condicionado ou de uma luz ligada? Quer aquecer a sua casa antes de chegar, utilizando o modo económico para evitar consumos elevados? Quer consultar os consumos energéticos da sua casa ou gerir o consumo dos painéis solares? Agora é possível fazer uma gestão remota de qualquer equipamento e controlar os consumos da sua habitação. Poderá estar sempre a par dos equipamentos que tem ligados e fazer um controlo para um consumo racional e sustentável do lar.

E como “tempo é dinheiro”, a comodidade destas soluções apresenta também uma mais-valia para os seus utilizadores. O facto de conseguir controlar a sua Smart Home através de voz ou remotamente através do smartphone ou tablet permite-lhe, para além da poupança de energia, fazer render o seu tempo de uma forma, também ela, mais eficiente.

Partilhe este artigo
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)