Energia

Segurança das crianças: Como pode uma janela eficiente evitar quedas?

A segurança contra a queda em altura de crianças, deve ser um ponto a ter em consideração na escolha de uma janela eficiente.

A segurança das crianças é um dos temas que mais preocupação gera entre os pais. Segundo dados da Associação Portuguesa de Segurança Infantil (APSI), cerca de 30% das mortes de crianças tiveram como origem a queda em altura de edifícios, sobretudo de varandas e janelas (Fonte: APSI, 2014 - Quedas em Crianças e Jovens – Um estudo retrospetivo 2000-2013). 

Em Portugal, não existe legislação específica que proteja de forma eficaz as crianças relativamente às quedas em altura de varandas e janelas. Nem nos projetos novos, nem nas obras de renovação das janelas antigas. Por esse motivo, este ponto deve ser um fator a ter em conta para as famílias que têm crianças pequenas e que pretendem substituir as suas janelas antigas por novas janelas eficientes.    

Como proteger a abertura das janelas eficientes pelas crianças?

Ao instalar novas janelas eficientes tenha em conta a necessidade do reforço da segurança na sua utilização, neste caso, pelas crianças. Assim, solicite que as suas janelas eficientes estejam dotadas de mecanismos de segurança contra a abertura inadvertida por parte das crianças, evitando possíveis consequências, desde quedas em altura, quebra de vidros e/ou ferimentos por entalamento.

Nestes casos, para maior proteção das suas crianças, as suas janelas eficientes podem ser dotadas de:

Vidros duplos temperados de segurança, para que em caso de quebra as crianças não se magoem (vidros como os dos nossos carros).

Muletas com chave para que todas as janelas da sua casa possam ser fechadas, impedindo a sua abertura pelas crianças.

Inversão do sentido de abertura das janelas oscilo-batentes para que intuitivamente as crianças não as possam abrir. Neste caso, a muleta abre primeiramente a função oscilante, impedindo a criança de abrir a janela.

Ao substituir as suas janelas antigas por novas janelas eficientes está também a proteger aqueles que mais gosta: as suas crianças!

Leia ainda: Certificado Energético: o que é e como o pode obter

Janelas eficientes ajudam a reduzir fatura energética

Além da questão de segurança abordada anteriormente, é importante ter em consideração que a substituição de janelas antigas contribui para uma redução dos encargos, a melhoria do isolamento térmico e acústico.

A colocação de janelas eficientes contribui para a redução do consumo energético em até 40% e isto, refletir-se-á na diminuição do valor da fatura energética mensal. Ao mesmo tempo assegura-se que um melhor isolamento acústico e um melhor nível de proteção ao arrombamento (anti-intrusão).

De realçar que não é suficiente adquirir uma janela eficiente. A instalação por parte de profissionais qualificados é, igualmente, de extrema importância. Além de o material de fabrico ter de respeitar determinadas características. Para que garanta a qualidade das janelas, estas devem ser atestadas através de uma Etiqueta Energética que tenha a classe A ou A+.

Leia ainda: Obras em casa? Há novos apoios à eficiência energética

Investir na instalação de janelas eficientes

A substituição de janelas é um bom investimento e, pode ter enormes vantagens para os proprietários dos edifícios: cada 1.000 euros investidos na melhoria destes elementos pode traduzir-se em ganhos até 1.500 euros ao final de 10 anos ou até 3.700 euros ao final de 25 anos.

Os benefícios proporcionados podem ser diretos (poupança de energia) e indiretos (mais conforto e menos gastos com a melhoria da saúde), bem como a valorização do seu património (aumenta o valor da venda ou do arrendamento do imóvel).

As janelas eficientes têm capacidade de melhorar a qualidade de vida, quer ao nível do ruído, quer ao nível da temperatura. Além disso, é possível conseguir reduzir a fatura energética, uma vez que as janelas eficientes podem proporcionar uma redução do consumo energético de até 40%.

João Ferreira Gomes é licenciado em Arquitetura (1998), pós-graduado em Gestão Empresarial (2002) e mestre em Construção (2007). Fundou e preside a ANFAJE – Associação Nacional dos Fabricantes de Janelas Eficientes – e integra a direção da CPCI – Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário - e da EUROWINDOOR. É coordenador de seminários técnicos na FCT-Universidade Nova de Lisboa.

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe o seu comentário

Indique o seu nome

Insira um e-mail válido

Um comentário em “Segurança das crianças: Como pode uma janela eficiente evitar quedas?
Fique a par das novidades

Receba uma seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser para receber a seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser
Obrigado pela subscrição

Queremos ajudá-lo a gerir melhor a saúde da sua carteira.

Não fique de fora

Esta seleção de artigos vai ajudá-lo a gerir melhor a sua saúde financeira.