Vida e família

Habitação: Conheça os termos HPP, HPS e HPA

Sabe o que querem dizer as siglas HPP ou HPS? Conheça neste artigos os tipos de habitação que existem e o que as diferencia.

Bárbara do Carmo Bárbara do Carmo , 14 Maio 2020

Comprar casa é um passo importante que deve ser dado com a máxima ponderação. Existem muitos fatores a ter em conta antes de tomar uma decisão deste tipo, sendo que é essencial que, antes de tudo, esteja bem informado. 

Para isso, antes de tomar uma decisão procure saber exactamente o que significam as mil e uma siglas que vai ouvir desde que começa a sua procura por um novo lar. 

Saiba que para efeitos de crédito existem vários tipos de habitação, que de acordo com a finalidade, têm diferentes pressupostos junto das instituições financiadoras.

HPP (Habitação Própria Permanente)

sala de estar com televisão sofã e mesa redonda com 4 cadeiras

Uma habitação pressupõe um espaço delimitado por paredes e dividido internamente em diversos espaços privados essenciais à vida do agregado familiar - seja sala, cozinha, quartos, casa de banho.

A Habitação Própria Permanente é aquela que é utilizada pelo proprietário e respectivo agregado familiar, em permanência, ou seja, funciona como ‘centro da vida familiar’. A HPP é financiada no máximo a 90%, ou seja tem sempre que ter 10% do valor da casa para dar de entrada, sendo este um dos entraves à compra de casa.

Leia ainda: Avaliação bancária das casas recua pela primeira vez em quatro anos

HPS (Habitação Própria Secundária)

A Habitação Própria Secundária (HPS) é aquela que não se destina a ser a habitação principal do proprietário, nem serve para fins lucrativos, como arrendamento. Funciona como casa de férias ou como habitação ocasional.

Uma das grandes diferenças no acesso a financiamento deste tipo de habitação está no acesso ao crédito, que nestes casos, não pode exceder os 70%.  

HPA (Habitação para Arrendamento)

A Habitação para Arrendamento é aquela que tem como principal objetivo gerar lucro, ou seja, serve para fins de arrendamento. Tanto neste caso como no caso da Habitação Própria Secundária, constituem boas possibilidades de investimento a longo prazo. Por isso, aquando da sua compra deve ter em conta alguns aspectos essenciais à valorização do imóvel, como a localização, os serviços ou a tipologia.

Leia ainda: Arrendamento de curta duração: guia para ter o seu alojamento local legal

Partilhe este artigo
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)