Crédito

Vai comprar casa? Conheça todos os custos, papéis e impostos!

Vamos mostrar-lhe todos os custos, papéis e impostos envolvidos no processo de compra de casa, seja a pronto ou com crédito habitação.

Rui Costa Rui Costa , 14 Setembro 2018 | 39 Comentários

Está a pensar comprar casa e quer conhecer todos os custos envolvidos?No final do artigo encontrará um exemplo dos custos totais para comprar uma casa de 120.000€ através de um crédito habitação - rondam os 4.000€. Mas antes, conheça primeiro cada um dos papéis, impostos e comissões que terá pela frente, e saiba como o Doutor Finanças o pode ajudar gratuitamente com toda a burocracia e na negociação das melhores condições com os vários bancos.

Vai comprar casa com capitais próprios - ou seja, sem fazer um crédito habitação ?

Caso tenha a disponibilidade financeira para comprar a casa sem financiamento bancário, conte com dois tipos de custos:

  1. Impostos
  2. Registos

Os valores dos impostos são tabelados por lei, como explicamos abaixo.
Por outro lado, as comissões e custos de registo poderão variar consoante o local onde realiza a escritura (conservatória, casa pronta, etc).

Que impostos terei que pagar?

Sempre que há uma transação financeira de compra/venda de um imóvel há lugar ao pagamento do IMT - Imposto Municipal sobre transacções onerosas de imóveis. A tabela varia consoante se trate de:

  • Imóvel Urbano ou Rústico;
  • Localização (no continente ou nas regiões autónomas);
  • Finalidade (Habitação própria e permanente ou habitação secundária/investimento).

Terá também que pagar o Imposto de Selo - explicado mais abaixo.

E quanto terei que pagar de IMT?

O valor do IMT é resultado da aplicação da seguinte fórmula:

IMT = (Valor do Imóvel * Taxa a Aplicar) - Parcela a Abater

O valor do imóvel é o maior de dois valores:

  1. Valor Patrimonial do Imóvel;
  2. Valor da Escritura.

Tanto o valor da taxa a aplicar como o da parcela a abater podem ser consultados nas tabelas do portal das finanças (valores que são atualizados nos Orçamentos do Estado).

 Utilize o Simulador de IMT  do Doutor Finanças e veja esta tarefa facilitada.

quais-os-custos-para-comprar-casa

Posso pedir isenção de IMT?

A tabela de imposto contempla a possibilidade de se obter a isenção deste pagamento. Contudo, só estão isentas as habitações próprias e permanentes e o valor máximo do imóvel também é tabelado. No continente, só tem de suportar o IMT para imóveis com valor acima de €92.407, sendo que para as Regiões Autónomas o valor é de €115.509

Quanto me custará o Imposto de selo (IS) ?

Sendo um imposto “antiquado”, uma vez que a transação não tem propriamente um selo, é um imposto onde o Estado consegue uma coleta bastante interessante. Ao comprar casa com capitais próprios, terá de suportar uma taxa de 0.8% sobre o valor do imóvel (como referido no ponto anterior). Assim, o valor do IS é resultado da seguinte fórmula:

IS = Valor do Imóvel * 0.80%

Passando aos custos com registos...

A transação de um imóvel tem diversos custos para a sua formalização legal. Esta formalização é realizada com uma escritura de compra e venda do imóvel, que pode ser realizada em locais diversos. De destacar os cartórios notariais e as conservatórias do registo predial. Recentemente, o Estado criou a modalidade Casa Pronta que acaba por centralizar num único local os atos necessários para a escritura (também é possível pagar os impostos aqui).

O custo da escritura em Casa Pronta, na modalidade de compra com capitais próprios é de €375.

O custo nos cartórios pode ser bastante superior, mas irá depender das tabelas próprias de cada estabelecimento.

E quanto ao IMI (Imposto municipal sobre imóveis) ?

O conhecido IMI é um custo que recai sobre todos aqueles que têm um imóvel. Este valor é calculado tendo por base uma tabela emitida pelo Governo, sendo que a taxa varia de 0.3% a 0.8% do valor patrimonial tributável (que costuma ser bastante inferior ao valor da aquisição). Pode consultar o valor patrimonial tributável do seu imóvel no Portal das Finanças.

E há mais custos?

Para além dos custos com registos e impostos, ao comprar casa considere também outros custos como:

  • Prémios de seguros;
  • Condomínio;
  • Outras taxas e impostos;
  • Outras despesas que entretanto surjam (como, por exemplo, a manutenção do imóvel).

E se fizer um crédito habitação, que custos terei?

custos de comprar casa

A compra de um imóvel com recurso a financiamento bancário tem um conjunto mais alargado de custos. Assim, aos custos acima referenciados será necessário ainda suportar:

Comissões Bancárias: Variam de acordo com a instituição financeira, mas em média poderá contar com um valor perto de €1.000. Falamos aqui de comissões de avaliação, estudo do processo e outras. Este valor irá depender também de protocolos que existam. Por exemplo, as parcerias do Doutor Finanças possibilitam reduzir estas comissões de forma significativa;

Imposto de Selo: O financiamento bancário dá lugar ao pagamento de imposto de selo sobre o valor financiado. Assim, irá suportar um IS de 0.6% sobre o valor do financiamento.

Registo: O registo em escritura referenciado acima era apenas para um ato. No entanto, é necessário registar também o mútuo com hipoteca (vulgarmente conhecido como hipoteca do imóvel a favor do banco). Neste caso, o custo ao invés de €375 passa a ser de €700.

Seguro de Vida: Os bancos exigem o pagamento de um seguro de vida que cubra o caso de morte do titular do contrato. Este valor irá depender de diversos fatores como a companhia de seguros, o valor em dívida e as condições de saúde do cliente. Peça ajuda à equipa do Doutor Finanças para encontrar o seguro de vida que melhor se adequada às suas necessidades.

Seguro Multiriscos: Que também irá variar de acordo com o valor do imóvel.

Exemplo para compra de habitação própria permanente de €120.000 com Crédito Habitação

Para simplificar a análise, tomemos um exemplo de um contrato de crédito habitação para compra de um imóvel urbano. Neste caso, teremos os seguintes custos:

  • IMT: €551,86
  • IS sobre compra: €960
  • IS sobre financiamento: €720
  • Registo Casa Pronta: €700
  • Comissões e Encargos Bancários: €1.000

TOTAL: €3.931,86

Os custos para quem vai comprar casa são expressivos. Porém, face aos custos crescentes do arrendamento, a compra de casa própria mediante crédito habitação é na maioria das vezes o negócio mais vantajoso.

Se pretende comprar casa, faça uma simulação com o Doutor Finanças, e assim terá a ajuda gratuita de consultores que lhe indicarão quanto pode poupar, quer no spread quer nas comissões e encargos. Para simular as melhores condições para o seu crédito habitação com o Doutor Finanças, basta preencher este formulário. Iremos entrar em contacto consigo, aconselhá-lo, e ajudá-lo no que precisar - sem qualquer custo.

Partilhe este artigo
Etiquetas
  • #comprar casa,
  • #Crédito habitação,
  • #crédito habitação spread mais baixo,
  • #custos comprar casa,
  • #custos crédito habitação,
  • #IMI,
  • #isenção IMT,
  • #melhores condições crédito habitação
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)

57 comentários em “Vai comprar casa? Conheça todos os custos, papéis e impostos!

  1. O IMT,IS sobre compra, IS sobre financiamento, Registo Casa Pronta e Comissões e Encargos Bancários têm que ser pagos antes de obter o Crédito de Habitação? Ou seja, se estes valores não podem ser cobrados após o Crédito e fazer estes pagamentos posteriormente.

    Melhores cumprimentos.

    1. Olá, Alexandra.

      Têm que ser pagos antes da escritura (sendo que tipicamente só nesse dia é que começa o empréstimo).

      Recomendo contactar o seu banco para ver que opções tem a esse respeito (por vezes facilitam a contratação de um empréstimo adicional, a ser pago logo a seguir à escritura).

      Mas se não tem dinheiro para pagar esses valores, tem a certeza que consegue suportar os encargos do empréstimo? Sobretudo tendo em conta os tempos que se atravessam, ter algum dinheiro posto de lado para emergências (ou para estas despesas for do habitual) é sempre recomendável.

      1. Olá, Eberto.
        Se a licença foi suspensa e pretende pedir uma nova, normalmente há que pagar, sim…

  2. Por meio de agência,estou a pensar no seguinte: vendo o meu imóvel por um valor que me cubra na totalidade a compra de um outro. Nesta situação que despesas estarei que estar atento?Cumprimentos

    1. Olá, Carlos.

      Para além dos custos já referidos neste artigo com a casa que vai comprar, ocorrem-me os custos com a casa que vai vender: o certificado energético e a comissão a pagar à agência imobiliária (que, já agora, provavelmente é a melhor entidade a quem colocar essa questão, já que trabalha no ramo).
      Esteja também atento ao imposto que pode vir a ter de pagar sobre as mais-valias eventualmente obtidas com a casa vendida. A este propósito pode simular o seu cenário concreto recorrendo à calculadora de mais valias.