Bem-estar

7 ideias para um Natal mais solidário

O Natal é um tempo de solidariedade, amor e compaixão para com o próximo. Aqui ficam algumas dicas para ter um Natal mais solidário.

Bem-estar

7 ideias para um Natal mais solidário

O Natal é um tempo de solidariedade, amor e compaixão para com o próximo. Aqui ficam algumas dicas para ter um Natal mais solidário.

A solidariedade e a ajuda ao próximo devem estar presentes durante todo o ano. Mas na época natalícia e o espírito de Natal convida a que as pessoas se tornem mais solidárias e conectadas com o próximo. E há muitas formas de demonstrar a sua solidariedade e de ajudar quem precisa. Mas mais que ajudar os outros, fazer o bem traz-lhe muitos benefícios, transmite uma sensação de paz e de bem-estar consigo mesmo. Espreite as nossas dicas para ter um Natal mais solidário.

Apoiar a restauração local

Por força da pandemia os negócios tradicionais e familiares como o comércio tradicional e os restaurantes de bairro foram severamente penalizados quer pelos horários de funcionamento, quer pela limitação da capacidade. Ainda assim pode recorrer a estes estabelecimentos para a sua ementa das festas em regime take away. Assim, não tem o trabalho de cozinhar, ficará servido com comida caseira e não vai passar horas na cozinha.

Ajudar o comércio tradicional

O mesmo se aplica ao comércio tradicional, à mercearia de bairro, à loja de produtos tradicionais, à retrosaria e tantas outras lojas que nesta altura precisam da sua ajuda e têm produtos muito em conta. Alguns municípios estão a promover ativamente este comércio tradicional. Uma das formas de o fazerem é promovendo concursos e prémios para quem comprar no comércio local.

Comprar presentes solidários

Os presentes, as lojas e as feiras solidárias são mais uma forma de ter um Natal mais solidário. Para isso, basta aderir em campanhas de presentes solidários ou recorrer a lojas que vendam produtos com uma chancela de solidariedade. É fácil encontrar presentes solidários, mas se precisar de uma ajudinha espreite o site Compra Solidária ou faça uma pesquisa na internet. Se recorrer a esta última opção, certifique-se que está a usar plataformas ou sites seguros.

Aposte em decorações natalícias solidárias

Também pode escolher decorar a sua árvore de Natal com produtos mais sustentáveis do ponto de vista ambiental e, ao mesmo tempo, está a ser solidário e a ter um Natal mais solidário. Neste caso há ganhos a triplicar: ganha uma nova decoração de Natal, ajuda pessoas e o ambiente. Quer sugestões? Aqui ficam algumas.

Dar o que já não usa e não quer

Sabe aquela camisola que já não usa e que está como nova e teve sempre pena de a deitar fora por isso mesmo? Ou a boneca com que a sua filha já não brinca, mas que ainda está em muito bom estado? Em vez de juntar em casa ou deitar fora o que já não quer ou precisa, pode dar-lhes uma nova vida se os der. Sim, embora já não veja neles utilidade, outras pessoas podem ver. Antes de dar, confirme sempre o estado das coisas. Pode procurar perto da sua zona de residência pontos de recolha destes bens ou pode, simplesmente, fazer um bonito embrulho e oferecer a alguém que conheça e que precise deste mimo. Afinal, todos conhecemos alguém assim.

Fazer um donativo em dinheiro

Outra forma de ter um Natal mais solidário é fazer um donativo monetário a uma associação. Pode mesmo na sua gestão do subsídio de Natal separar uma parte para ajudar uma associação ou IPSS, cujo trabalho goste e com o qual se identifique. Esse gesto ainda lhe pode valer um benefício fiscal no IRS. É que os donativos, desde que devidamente comprovados, são dedutíveis no IRS.

Fazer voluntariado 

O tempo é o recurso mais valioso de que dispomos porque não o podemos armazenar. Dar do seu tempo aos outros é, talvez, uma das formas mais valiosas de ajudar o próximo e ter um Natal mais solidário. O voluntariado é dar sem receber nem esperar nada em troca, mas quem o faz costuma dizer que recebe muito mais que aquilo que dá. Na Bolsa do Voluntariado ou no Portugal voluntário pode descobrir como, onde e em que fazer voluntariado. Todo o ano.

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe uma resposta

Insira o seu nome

Insira um email válido