Vida e família

Óculos ou lentes de contacto: saiba o que mais se adequa a si

Óculos ou lentes de contacto? Resolva os seus problemas de visão e conheça as vantagens e desvantagens de cada uma das opções.

Vida e família

Óculos ou lentes de contacto: saiba o que mais se adequa a si

Óculos ou lentes de contacto? Resolva os seus problemas de visão e conheça as vantagens e desvantagens de cada uma das opções.

Na sua vida diária sente a vista cansada ou falta de visão? Esteja atento, pode estar a precisar de usar óculos ou lentes de contacto. O modo como vivemos implica um grande esforço para os nossos olhos, atendendo ao tempo que passamos "ligados" às tecnologias, quer seja a trabalhar ou em lazer.

Mas também pode haver um esforço acrescido quando conduz, vê televisão ou, simplesmente, precisa de intensificar as horas de estudo. Mais tarde, ou mais cedo, todos estes cenários podem traduzir-se em problemas oftalmológicos

Segundo os especialistas consultados pelo jornal Público, os problemas de visão aumentaram ainda mais com a pandemia. Ou seja, ao estarmos fechados em casa, passamos mais tempo em frente à televisão, computador, telemóvel ou simplesmente dedicamos mais tempo aos livros. 

Por outro lado, o uso constante das tecnologias está fortemente relacionado com o aparecimento das redes sociais, sendo que, segundo um estudo recente da Marktest, cada português passa em média 96 minutos nas redes sociais

Neste contexto, muitas pessoas necessitam de usar óculos ou lentes de contacto, seja a tempo inteiro ou pontualmente, em determinados momentos, como por exemplo, para ler ou ver TV. 

Mas, afinal, é melhor optar por óculos ou lentes de contacto? Ambas as opções têm as suas vantagens e desvantagens. Se assim entender, pode inclusive, utilizar ambas as opções e mudar de acordo com a situação. 

Óculos ou lentes de contacto: conheça as diferenças 

Óculos 

Os óculos deixaram de ser vistos apenas como algo deselegante, e têm hoje uma maior aceitação na sociedade. Usar óculos é cada vez menos um "bicho de sete cabeças", e o que dantes podia gerar complexos, sobretudo entre as crianças e os adolescentes, agora é visto como um acessório de moda.

Atualmente, existe no mercado uma panóplia enorme, e diversificada, de marcas, cores e modelos: basta escolher. Tamanha oferta permite, inclusive, optar por ter vários modelos para combinar, por exemplo, com a roupa.  E, se há opções para todos os gostos e feitios, também há para todas carteiras.

Vantagens 

  • Exigem menos cuidados de limpeza e manutenção, relativamente às lentes de contacto; 
  • São muito práticos, facilmente os coloca ou retira consoante a sua necessidade;
  • O seu uso, não implica um contacto direto com os olhos, o que reduz o risco de infeções; 
  • Regra geral, são mais baratos que as lentes de contacto; 
  • Por norma, têm maior durabilidade que as lentes de contacto; 
  • Podem ajustar-se de acordo com a quantidade de luz que incide no olho para melhor conforto e visão, em especial no caso das lentes fotocromáticas; 
  • As armações dos óculos são cada vez mais modernas e esteticamente apelativas; 
  • Ajudam a proteger a sua visão do vento, poeiras ou simplesmente de lixo no ar. 

Desvantagens 

  • Os óculos exigem especial atenção para não se partirem (fator a considerar especialmente para os mais distraídos ou desajeitados); 
  • Após utilização, devem ser arrumados sempre dentro da caixa para evitar riscos; 
  • As lentes podem embaciar com alguma facilidade; 
  • Não podem ser usados em todas as situações (por exemplo, na água); 
  • Podem distorcer ainda mais a visão, nomeadamente no limite da lente, no caso de se tratar de uma prescrição acentuada ou astigmatismo; 
  • Por vezes, o peso da armação causa algum desconforto ou incómodo no nariz ou orelhas; 
  • Esteticamente, por exemplo, ainda há pessoas que não gostam de usar óculos; 
  • São pouco práticos, por exemplo, para quem pratica desporto. 

Leia ainda: Ganhe consciência digital, pela sua saúde mental

Lentes de contacto 

As lentes de contacto são ideais para quem pretende um visual mais simples e natural, e não aprecia a ideia de andar constantemente de óculos. São acima de tudo uma opção estética

Por outro lado, muitas pessoas usam lentes de contacto e nem se nota que o fazem. Além disso, as lentes permitem uma maior flexibilidade de movimentos e, regra geral, pode ser utilizada em qualquer atividade. 

Vantagens 

  • Possibilitam uma visão mais natural, pois movimentam-se com os olhos; 
  • Não embaciam nem são afetadas pelo frio, chuva ou vento; 
  • São ótimas, por exemplo, para quem pratica desporto
  • Algumas pessoas, preferem as lentes aos óculos por serem esteticamente mais apelativas
  • Permitem mudar a cor dos seus olhos, dado que existem lentes de várias cores
  • Alguns tipos de lentes podem modificar a córnea durante o sono, corrigindo assim a miopia. 

Desvantagens 

  • Exigem mais cuidados de manutenção e de higiene; 
  • Necessário ter em atenção os prazos de validade
  • Não devem utilizadas por mais de 10 horas seguidas; 
  • São mais caras do que os óculos; 
  • Necessitam de produtos de limpeza específicos
  • Não são muito fáceis de colocar, o que causa incómodo e requer alguma paciência diária aos seus utilizadores; 
  • Algumas pessoas não conseguem adaptar-se;
  • Não deixam respirar tanto os olhos, o que pode causar ou agravar os olhos secos; 
  • Implicam, por norma, um período de adaptação maior que os óculos; 
  • Exigem mais idas ao oftalmologista; 
  • Em pessoas com um nível elevado de astigmatismo, a visão pode ficar embaciada com o movimento ocular. Esse problema pode ser contrariado com o recurso a lentes de contacto tóricas. 
  • O seu uso pode contribuir para elevar sintomas da vista cansada" para quem passa muitas horas frente a um computador, por exemplo. 

Leia ainda: Lentes de contacto a baixo preço 

Mas, afinal, o que escolher? Óculos ou lentes de contacto? 

Tal como já indicado anteriormente, qualquer que seja a solução escolhida, ambas têm vantagens e desvantagens. Muitas vezes o fator decisivo é apenas uma questão de gosto pessoal ou de possibilidades económicas.  Contudo, aquilo que nunca deve descurar, no momento da escolha, é a saúde dos seus olhos

Mas, nem sempre é fácil escolher, seja pelo conforto, pela comodidade, estética, problemas de visão em causa, ou, simplesmente, pelo orçamento disponível. Assim, a escolha vai depender não só das suas preferências, mas, essencialmente, das correções a nível de visão que necessitar de efetuar e do orçamento que tiver. 

Assim, independentemente da escolha que faça, o mais importante é que tenha sempre o aconselhamento de um oftalmologista ou de um optometrista, de modo a salvaguardar a sua saúde ocular. 

Leia ainda: 7 formas de exercitar o seu cérebro sem telemóvel ou televisão 

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)