Uma das especialidades do Doutor Finanças é o crédito habitação. Temos ajudado centenas de famílias a poupar dinheiro com o crédito habitação tanto na aquisição como na transferência do crédito para uma instituição mais barata. Neste artigo vamos mostrar-lhe exemplos daquilo que pode poupar ao transferir o seu crédito habitação.

Antes de começarmos: o Doutor Finanças não cobra comissões

Antes de começarmos… Como referido na reportagem do Contas Poupança, o Doutor Finanças não cobra quaisquer custos de avaliação ou de diagnóstico. Não cobramos também comissões pelo sucesso da operação. Com o nosso acompanhamento, não só irá poupar tempo e dinheiro com a transferência do seu crédito habitação, como não terá qualquer despesa connosco.

Quanto posso poupar transferindo o meu Crédito Habitação?

Nos últimos anos as taxas de juro caíram bastante. Provavelmente sentiu a diferença da queda da taxa EURIBOR na prestação todos os meses. No entanto, não foi apenas a EURIBOR que caiu. Os bancos voltaram a conceder crédito habitação, e a apresentar condições mais favoráveis (i.e. spreads mais baixos). E é possível aproveitar esse dinamismo do mercado, e conseguir poupanças na ordem dos 1.000€/anuais sem grande esforço.

Como? Imagine o seguinte caso, de um crédito habitação médio:

  • Valor em Dívida: €130.000
  • Prazo Remanescente: 30 anos
  • Spread Anterior: 3%
  • Novo Spread (após transferência): 1.25%

Potencial poupança: 41.349€ ( 1.378,3€ por ano!)

Ou seja, ao transferir o crédito habitação, conseguirá baixar o spread em 1.75 pontos percentuais. Ou, seja conseguirá poupar em juros ao longo dos próximos trinta anos mais de €41.349. Isto equivale a uma prestação €115 mais baixa em média, ou uma poupança de 1.378,3€ por ano!

calculadora2

O que tenho que fazer?

Antes de mais, uma ressalva: nem toda a gente conseguirá transferir o seu Crédito Habitação. Apesar do mercado imobiliário ter ganho nova dinâmica, os bancos estão mais cautelosos na aprovação de novos créditos. Como tal, para conseguir transferir o seu crédito habitação para um banco com spread mais baixo, terá que construir um processo sólido, que minimize o risco par ao banco. Para o fazer o connosco, só tem que seguir os seguintes passos:

  1. Preencha o nosso formulário de crédito à habitação
  2. Envie a Documentação que lhe será solicitada
  3. Aguarde enquanto contactamos várias instituições financeiras e negociamos a melhor proposta
  4. Escolha da melhor proposta e formalização

1. Preencha do formulário de Crédito Habitação

O início do processo de transferência do seu crédito habitação é simples. Basta que preencha o formulário abaixo. Depois, iremos solicitar-lhe o seu último IRS e os mapas de créditos do Banco de Portugal do casal para podermos fazer um diagnóstico rápido.

2. Envie a documentação que lhe será solicitada

Após o primeiro diagnóstico será contactado pelo consultor afeto ao seu processo para afinar o processo e prepará-lo para aprovação junto dos bancos parceiros do Doutor Finanças. Iremos pedir-lhe documentos que ajudem a tornar o seu processo interessante para outro banco.

3. Aguarde enquanto contactamos várias instituições financeiras

O seu consultor irá preparar todo o processo para que seja possível aprovar a proposta com as melhores condições de mercado. Nesta fase o Doutor Finanças terá em conta não só a redução do spread mas outros custos associados para que poupe efetivamente. Após a aprovação entraremos em contacto para aceitação, esclarecimento de dúvidas e iniciar os procedimentos de transferência do seu crédito.

4. Escolha da melhor proposta e formalização

Chegados à fase final, o seu consultor irá tratar de toda a burocracia para a formalização da transferência. Como sabe o processo é burocrático e exige vários procedimentos. No entanto, como tratamos de tudo por si poupamos-lhe aos pormenores.

Recordando a simulação acima, se conseguirmos uma redução de spread na ordem dos 1.75 pontos, ao fim de 30 anos terá poupado cerca de 41.000€ num crédito habitação de 130.000€. Já imaginou o que poderá fazer com essa poupança? 🙂

Para iniciar o seu processo, basta deixar os seus dados no formulário abaixo. Depois basta anexar o seu IRS e mapa de banco de Portugal ao email que irá receber, e a partir daí trataremos do resto do processo.