Crédito

Posso fazer um crédito para pagar outros? Quais os custos?

Está a ponderar fazer um crédito para pagar outros? Conheça os custos e o crédito consolidado como alternativa.

Daniela Gonçalves Daniela Gonçalves , 30 Março 2020

Fazer um crédito para pagar outros é uma solução que surge muitas vezes como solução para ganhar alguma folga orçamental nas famílias. É que a existência de créditos é sempre o calcanhar de aquiles dos orçamentos familiares e até dos seus planos de poupança. Isto porque o montante que é destinado à prestação não pode ser direcionado para outras despesas ou até colocado de parte, num plano de investimento ou de poupança. 

Nestes cenários, as preocupações recaem sempre sobre os encargos relacionados com os créditos: juros, seguros, etc. Mesmo que não esteja sobreendividado, muitas vezes trata-se apenas de ganhar alguma folga e conseguir poupar. Então, uma das soluções a que muitas vezes se recorre é a procura de outros créditos, com condições mais benéficas, para pagar outros, mas a um preço mais baixo. 

Neste artigo procuramos responder à dúvida que muitas vezes se levanta “será que posso fazer um crédito para pagar outros? Se sim, quais os custos?”. 

Novas regras para o crédito pessoal

Antes de respondermos diretamente à questão colocada, analisamos a nova diretriz do Banco de Portugal sobre os créditos pessoais. Isto porque a partir de 1 de abril de 2020 os créditos pessoais deixam de ter o prazo máximo de dez anos, passando apenas para sete. 

Esta nova diretriz tem um impacto importante nesta análise. É que, para além dos juros, os prazos para pagamento dos novos créditos é algo que deve pesar na decisão. 

Ou seja, se pondera fazer um crédito pessoal para poder pagar outros, tenha presente que o prazo máximo é agora de sete anos. Por isso, deve apenas incluir dívidas com cartões de crédito ou créditos pessoais de prazo mais reduzido, como crédito para compra de um computador ou obras em casa, por exemplo. No caso de um crédito automóvel, por exemplo, pode não ser tão fácil porque se o prazo for superior a sete anos, terá que o condensar nesse período, obrigando a uma maior taxa de esforço. E o crédito pode, por isso, nem ser aprovado. 

Leia também: Porque decidiu o Banco de Portugal pôr um travão no crédito pessoal?

Custos de fazer um crédito para pagar outros

Fazer um crédito para pagar outros envolve custos. Deve fazer as contas com as referências que fazemos a seguir, antes de tomar a decisão. 

Por um lado, analisar os custos de amortização dos créditos antigos, tendo por referência: 

  • 0,5% do montante do capital reembolsado, se faltar mais de um ano para o fim do prazo previsto do contrato; 
  • 0,25% do montante amortizado, se estiver a menos de um ano do fim do prazo previsto. 

Por outro, deve somar os custos que terá com o novo crédito: despesas de processo, comissões e seguros associados. 

Se ainda assim o montante que vai conseguir poupar com a redução de juros (deve analisar especificamente a TAEG) for superior a estes custos, então fazer um crédito para pagar os outros é uma boa escolha. 

Leia ainda: Qual o impacto das novas regras do crédito pessoal na vida das famílias

Crédito Consolidado

O crédito consolidado não é apenas para quem está demasiado endividado e entrou em incumprimento. O objetivo de consolidar também é poupar. E para quem pondera fazer um crédito para pagar outros, esta pode ser uma boa alternativa.

O que acontece no crédito consolidado é a junção de vários créditos num só, com melhores condições e uma única prestação mensal mais baixa. 

Leia mais sobre o tema em: Crédito Consolidado: tudo o que precisa de saber

Antes de tomar a decisão de fazer um crédito para pagar outros, informe-se, analise bem as condições, pegue num papel e faça as contas. Se precisar de apoio para esclarecer dúvidas sobre a alternativa do crédito consolidado, fale connosco.

Partilhe este artigo
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)