Finanças pessoais

Ori€nta-te: O projeto que mete os mais novos a pensar a literacia financeira

A Fundação AGEAS juntou-se às Mentes Empreendedoras para criar um projeto que promove a literacia financeira infantil.

Finanças pessoais

Ori€nta-te: O projeto que mete os mais novos a pensar a literacia financeira

A Fundação AGEAS juntou-se às Mentes Empreendedoras para criar um projeto que promove a literacia financeira infantil.

Educar para a literacia financeira desde cedo deve ser um objetivo de pais e educadores. Este é um tópico essencial para ajudar crianças e jovens a perceberem o valor do dinheiro e, assim, a fazerem uma melhor gestão do mesmo.

A pensar nisso, a Fundação AGEAS juntou-se às Mentes Empreendedoras para criar um projeto ligado à literacia financeira infantil: o Ori€nta-te. O projeto conta já com a sua 3.ª edição. A iniciativa arrancou no final do ano 2020 com a capacitação de 73 professores do 3.º ciclo que, "replicaram, para mais de 1.700 alunos, sessões com jogos e dinâmicas sobre literacia financeira", revela a Fundação AGEAS, em nota de imprensa.

O objetivo? Meter os mais novos a pensar a literacia financeira. Depois o desafio: foi dada aos alunos total liberdade para criarem um projeto neste âmbito. "Mais de 500 alunos, submeteram um total de 100 trabalhos, refletindo a vontade crescente em aprender, desde cedo, a gerir as finanças e poupar".

Dos 100 projetos, foram selecionados 10 para serem apresentados a um júri. Do painel de jurados fizeram parte Carlos Nunes, Executive Partner da Expense Reduction Analysts e Presidente da Direção da AAAFEP; Joana Castro e Costa, Executive Director do Leadership for Impact Knowledge Center na Nova SBE; Rui Bairrada, CEO do Doutor Finanças; Nelson Machado, CEO Vida e Pensões do Grupo Ageas Portugal; João Machado, Presidente da Fundação Ageas; Afonso Mendonça Reis, Diretor-Geral das Mentes Empreendedoras; entre outros.

Os vencedores foram anunciados durante o mês de julho:

  • 1.° Lugar: “Fora da Caixa” da Escola Padre Benjamim Salgado (Vila Nova de Famalicão);
  • 2.° Lugar: “E se cuidássemos” da EBS Soares Basto (Oliveira de Azeméis);
  • 3.° Lugar: “Trio Orienta-se” da Escola Secundária Campos Melo (Covilhã);
  • Menção Honrosa: “Ação A” da EB23 Visconde Chanceleiros (Alenquer).

A apresentação dos projetos do Top 10 pode ser visualizada aqui.

Leia ainda: 5 tarefas que podem criar bons hábitos financeiros nas crianças

A importância dos jogos e livros infantis na hora trabalhar a literacia financeira

Descomplicar conceitos financeiros pode ser um desafio. Assim, os jogos e os livros são ótimas ferramentas para conquistar a atenção dos mais novos. Numa primeira fase deve procurar contos e histórias que transmitam valores básicos, como a ganância,  a poupança e a partilha. 

À medida que a idade vai avançando, as crianças já terão a capacidade para assimilar outros conceitos, se estes forem explicados de forma simples e atrativa. Mais uma vez os livros e jogos didáticos assumem um papel fundamental na hora das crianças aprenderem a gerir o seu dinheiro. 

Conheça o livro Doutor Finanças e a Bata Mágica e descarregue o jogo de tabuleiro Doutor Finanças e a Bata Mágica e o Jogo da Memória Doutor Finanças e partilhe com os seus filhos bons momentos.

Leia ainda: Dia da Criança: O que dizem as crianças sobre o dinheiro?

Partilhe este artigo
Etiquetas
  • #educação financeira,
  • #literacina financeira infantil,
  • #orçamento familiar,
  • #poupança
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe uma resposta

Insira o seu nome

Insira um email válido