Cultura e Lazer

Como poupar em festas e fatos de Carnaval

O Carnaval está aí à porta mas a sua carteira ainda não recuperou da passagem de ano? Veja neste artigo como poupar em fatos e festas de Carnaval.

Patrícia Neves Patrícia Neves , 17 Fevereiro 2020

É a primeira grande festa do ano. Quando ainda estamos a recuperar da passagem de ano, eis que surge o Carnaval e, principalmente para quem tem crianças, esta época é sinónimo de despesas. Vamos ajudá-lo, dando-lhe dicas simples para que possa poupar em fatos e festas de carnaval.

Como poupar em fatos e festas de carnaval 

criança mascara de leao em desfile de carnaval

Apesar de o Carnaval não ser um feriado oficial, em muitas localidades portuguesas continua a existir muita tradição em volta desta época. “Brincar ao Carnaval” significa usar a melhor máscara possível ou várias, uma para cada dia de festividades.

Também nas escolas existe a tradição de realizar desfiles com as crianças, por isso, mesmo que os pais não liguem ao Entrudo, acabam por comprar fatos e todo o tipo de acessórios para os mais pequenos.

Além disso, os grandes adeptos do Carnaval aproveitam sempre estes dias para se juntar com os amigos, jantar em conjunto e depois seguir para festas temáticas. Tudo isto pode causar danos na sua carteira, desde os fatos, aos jantares até às festas. No entanto, existem formas de poupar em fatos e festas de Carnaval, algumas bastante simples até.

Reutilize fatos dos anos anteriores

O Carnaval acontece todos os anos, certo? Então porque não guardar os fatos dos anos anteriores? É possível manter a originalidade reutilizando disfarces antigos, basta ser criativo. Se pesquisar na internet, encontra rapidamente imensas ideias de como dar uma nova vida a todo o tipo de materiais, mesmo sem grandes habilidades de costura. 

Lembre-se que, por vezes, basta apenas mudar a maquilhagem e, para isso, o Youtube dispõe de uma grande diversidade de tutoriais de maquilhagem para o Carnaval que pode seguir. Inovar ao nível da maquilhagem pode ser uma ideia diferente para se destacar nas festas deste ano, usando apenas os seus produtos do dia-a-dia, juntamente com um outro acessório barato.

Por outro lado, outra forma de reutilizar máscaras antigas é trocando-as com os seus amigos. Quer os fatos sejam para si ou para os seus filhos, pergunte aos seus familiares e amigos se têm disfarces antigos que possam emprestar. Depois, só tem que acrescentar um toque especial, et voilá, fatos de carnaval novos sem gastar nenhum (ou quase nenhum) dinheiro.

Leia ainda: Princípio dos 5 R’s para evitar desperdiçar dinheiro

Faça você mesmo

mae e filha a brincar com mascaras

Comprar fatos novos todos os anos pode ser bastante tentador. Até porque as lojas da especialidade estão repletas de ofertas apelativas, com as grandes novidades ao nível de máscaras de Carnaval. No entanto, se precisa de poupar ou se prefere algo mais personalizado, opte por criar você mesmo o seu fato de Carnaval. 

Mais uma vez, utilize a internet para se inspirar e procure tutoriais para criar o seu design. Relativamente aos tecidos, se precisar de comprar, procure os mais económicos e compare preços online e em lojas físicas. Ou, caso tenha roupas antigas em casa, utilize-as como matérias-primas para as suas criações.

Esta, até pode ser uma atividade muito divertida para realizar em família ou em amigos. Trabalhar em conjunto é sempre agradável, já que todos podem partilhar ideias e dividir tarefas, consoante as habilidades e as preferências de cada um do grupo. 

A festa pode ser em casa

Para si o Carnaval é sinónimo de festa e não pode ser de outra forma? Mas este ano, dava-lhe jeito ser um bocadinho mais comedido nos gastos? A solução é festejar em sua casa.

Crie a sua melhor playlist, junte os amigos e organize um jantar/festa temático. Se dividir as despesas e as tarefas entre todos, fica bem mais económico do que ir jantar a um restaurante e, ainda, pagar bebidas em festas.

Reúna amigos para ter uma festa para as crianças

A dica anterior é válida igualmente para quem tem filhos. Mas quem sofre com a influência do marketing nos mais novos e se vê pressionado a gastar fortunas em eventos infantis, considere organizar você mesmo essas festas. 

Da mesma forma que se podem utilizar parques públicos para festas de aniversário, estes também podem ser locais perfeitos para festas de Carnaval. Reúna amigos e os pais dos amigos dos seus filhos e, em conjunto, organizem a vossa própria festa. As crianças vão divertir-se tanto ou mais e, desta forma, evita despesas extra com animadores infantis e empresas de organização de festas. 

O Carnaval acontece todos os anos

A seguir ao fogo de artifício da passagem de ano vêm os confetes do Carnaval. Por isso, uma vez que este é um evento anual, guarde todos os fatos, acessórios e decorações de um ano para o outro. Todos estes itens podem, não só ser reutilizados, como os pode emprestar, doar ou vender.

Planear com antecedência é sempre a melhor prática e neste caso a organização pode ser-lhe útil, também, se precisar de comprar algum produto. Afinal, as peças fora de época são sempre mais em conta. Por isso, anote todas estas dicas para que este ano consiga poupar em fatos e festas de Carnaval. 

Leia ainda:

Partilhe este artigo

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)