Bem-estar

7 cuidados a ter com compras em supermercados on-line

Fazer compras em supermercados on-line acaba por ser bastante diferente e há certos cuidados a ter. Saiba quais.

Bem-estar

7 cuidados a ter com compras em supermercados on-line

Fazer compras em supermercados on-line acaba por ser bastante diferente e há certos cuidados a ter. Saiba quais.

Em tempos de pandemia, recorrer aos supermercados on-line começa cada vez mais a fazer parte da rotina dos portugueses. Fazer compras em supermercados on-line acaba por ser bastante diferente e há certos cuidados a ter para se certificar de que é aquilo que precisa.

Estes cuidados a ter em supermercados on-line passam não só por rever as compras que faz, como também por garantir algumas proteções no caso de alguma coisa correr mal.

1. Compare produtos entre supermercados

Há vários supermercados on-line a competir pela sua atenção, e pode usar essa competição a seu favor. Através da internet é bastante fácil comparar preços entre diferentes produtos e aproveitar as promoções que mais lhe interessam.

Este pequeno trabalho de casa pode ajudá-lo a poupar nos produtos de que realmente precisa. Compare tendo em conta taxas de entrega e outros encargos. Entre os supermercados online disponíveis, considere fazer uma visita aos principais:

  • Auchan
  • Continente
  • Pingo Doce (via Mercadão)
  • Intermarché
  • El Corte Inglés
  • GoodAfter
  • Dott
  • Minipreço
  • Froiz

Para ajudar nesta comparação pode, ao pesquisar produtos, ordenar os resultados de acordo com o preço por capacidade. Assim, terá em primeiro lugar produtos mais económicos em função da quantidade a comprar.

2. Tenha em conta o modo de pagamento

Ao fazer as suas compras on-line – tanto em supermercados mais ou menos conhecidos – tem de dar algumas informações para proceder ao pagamento. Aqui deverá seguir algumas medidas de segurança para se certificar de que paga apenas pelo que compra.

Primeiro, verifique a segurança do site através do URL. No topo, deverá ter um cadeado junto da indicação https:// em vez de um aviso junto de http://. Este é um certificado que garante que dados enviados pelo seu computador até ao supermercado são codificados, impedindo o uso fraudulento dos mesmos.

Além disso, opte por cartões digitais temporários – que pode criar no homebanking de alguns bancos ou com a aplicação MBWay – ou por pagar através do PayPal, sendo que com esta opção não tem de partilhar os dados do cartão.

3. Verifique tudo antes de pagar

Ao fazer compras em supermercados on-line é fácil comprar em quantidade superior à que pretendia por carregar no botão errado, ou colocar no carrinho produtos de que não precisa por estarem extremamente acessíveis.

Quando estiver prestes a fazer o pagamento, passe mais uma vez pela sua lista de compras para se certificar que tudo está certo. Tenha também em conta possíveis encargos adicionais como a taxa de entrega.

4. Considere o horário de entrega

Em períodos de maior afluência poderá ter de ser um pouco mais flexível com o horário de entrega. Preste atenção ao horário que escolheu ao fazer as compras no supermercado on-line, e marque a data na agenda para não se esquecer de estar disponível. Tenha em atenção que também pode haver diferença de preços consoante o horário de entrega.

5. Analise serviços de envios grátis

Dado o forte crescimento dos supermercados on-line, alguns começaram a oferecer aos seus clientes serviços de entrega gratuita. Estes serviços são pagos quer faça ou não compras no supermercado, mas podem valer a pena se fizer compras no supermercado on-line várias vezes.

Quando analisar estes serviços tenha em conta as possíveis poupanças, e o mínimo que terá de encomendar para a entrega estar incluída no serviço.

6. Saiba como contactar o supermercado

No ato da entrega o supermercado deverá entregar-lhe um documento com um resumo da sua compra. Este documento vai não só ajudá-lo a rever o que chegou para se certificar de que nada falta, como também serve para ver quanto foi cobrado no caso de um artigo não ter vindo e não ter sido cobrado.

Antes de fazer a compra prepare-se para a possibilidade de algo correr mal. Guarde as informações do seu pedido bem como o número de telefone ou endereço de email do supermercado onde comprou, para entrar em contacto quanto a qualquer dúvida.

7. Conheça os seus direitos

Enquanto consumidor on-line tem certos direitos que não se aplicam em lojas físicas. Entre eles está, por exemplo, o direito de mudar de ideias no prazo de 14 dias. Este não se aplica a consumíveis como alimentos ou a produtos personalizados, mas aplica-se a outros produtos que encontramos no supermercado, tal como tecnologia ou eletrodomésticos.

Através da página da União Europeia, yourEUright, pode saber um pouco mais sobre os seus direitos não só ao comprar em supermercados on-line, mas em compras gerais através da internet.

No caso de algo não correr bem, mesmo depois de ter contactado o supermercado on-line, pode entrar em contato com a Direção Geral do Consumidor.

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe uma resposta

Insira o seu nome

Insira um email válido