Finanças pessoais

Dia da Criança: O que dizem as crianças sobre o dinheiro?

Ensinar as crianças desde cedo o que é o dinheiro e o seu valor é muito importante. Para assinalar o Dia Mundial da Criança, fomos saber o que é que os mais novos pensam sobre dinheiro e poupança.

Há um ditado popular que diz que “é de pequenino que se torce o pepino”. E no dinheiro não é exceção. Ensinar aos mais novos desde cedo o que é o dinheiro e a sua importância é muito importante.   

Para assinalar o Dia Mundial da Criança, fomos saber o que é que os mais novos pensam sobre o dinheiro e poupança. “De onde vem o dinheiro?”, “Para que serve?”, “O que é a poupança?” são algumas das perguntas a que responderam na pele de pequenos doutores.  

Os conceitos de literacia financeira devem começar a ser incutidos desde cedo. 

Leia ainda: 5 Dicas para incutir boas práticas de poupança nas crianças 

Quando devo começar a falar de dinheiro e poupança? 

Não existe uma idade exata para começar. No entanto, o aconselhado é que a partir dos 3/4 anos de idade já comecem a ter noção de alguns conceitos básicos, através de jogos ou brincadeiras, por exemplo. Depois, ao longo dos anos, e com a entrada na escola, podem ser introduzidos novos conhecimentos da poupança e da gestão de dinheiro. 

Duas das ferramentas para a educação financeira são, por exemplo, a mesada e a semanada. Através destes instrumentos, os pais podem ensinar às crianças alguns conceitos base que os ajudarão a lidar com as suas finanças pessoais, nomeadamente o valor do dinheiro e a importância de o saber gerir.   

Leia ainda: Semanada ou mesada? Como ajudar os mais novos a gerirem o dinheiro 

A importância dos jogos e livros infantis na hora de falar de dinheiro com crianças 

Descomplicar conceitos financeiros pode ser um desafio. Assim, os jogos e os livros são ótimas ferramentas para conquistar a atenção dos mais novos. Numa primeira fase deve procurar contos e histórias que transmitam valores básicos, como a ganância,  a poupança e a partilha. 

À medida que a idade vai avançando, as crianças já terão a capacidade para assimilar outros conceitos, se estes forem explicados de forma simples e atrativa. Mais uma vez os livros e jogos didáticos assumem um papel fundamental na hora das crianças aprenderem a gerir o seu dinheiro. 

Conheça o livro Doutor Finanças e a Bata Mágica e descarregue o jogo de tabuleiro Doutor Finanças e a Bata Mágica e o Jogo da Memória Doutor Finanças e partilhe com os seus filhos bons momentos.

Os três mealheiros 

técnica dos três mealheiros é também uma forma de ajudar os mais novos a gerirem o seu dinheiro. Cada um dos mealheiros tem uma finalidade diferente - gastar, poupar e ajudar. 

No mealheiro "gastar" deve ser colocado o dinheiro para as despesas já existentes ou para aquelas que a criança pretende realizar no imediato. 

mealheiro "poupar" serve para que coloque dinheiro de parte para futuras compras ou projetos. Além de que é uma forma de ir ganhando o hábito de guardar sempre uma parte do que recebe para criar poupança. 

E, por fim, o mealheiro "ajudar" tem como objetivo introduzir uma noção de solidariedade e partilha à criança. 

Desta forma, os mais novos vão perceber que não devem gastar tudo aquilo que recebem e que a sua semanada ou mesada deve ser rentabilizada de várias formas. 

Leia ainda: Como ensinar as crianças a poupar 

Como ajudar as crianças a gerirem o seu dinheiro 

Os pais devem procurar ensinar os filhos a gerirem o seu dinheiro mas sem interferirem nas escolhas dos mais novos. Se, por exemplo, a criança gastar toda a semanada ou mesada, deve explicar-lhe as limitações do dinheiro e não lhe dar mais dinheiro. A semanada e a mesada vão incutir-lhes a noção de responsabilidade de tomar decisões sobre o seu dinheiro. 

É também importante incluir as crianças nas conversas sobre as despesas familiares, de forma a que estas entendam que o dinheiro não é um recurso inesgotável. 

E, claro, dar o exemplo. Ao presenciarem boas práticas de gestão do orçamento familiar, os mais novos vão perceber melhor como devem agir. 

Leia ainda: Literacia financeira infantil: Como falar de dinheiro com crianças? 

Partilhe este artigo
Etiquetas
  • #crianças,
  • #dia da criança,
  • #dinheiro,
  • #literacia financeira infantil,
  • #poupança
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)