Impostos

Como declarar mais-valias de ações?

Pedro Pais, revisor oficial de contas, e Pedro Andersson, jornalista da SIC, falam sobre mais-valias e como é feito o preenchimento da declaração de IRS.

Pedro Pais, revisor oficial de contas, afirma que o cenário base da declaração de mais-valias de ações "não é muito diferente" do que acontece com as mais-valias imobiliárias. "Temos o valor a que as ações foram adquiridas e há de haver um valor pelo qual foram vendidas".

"Estas mais-valias têm de ser obrigatoriamente declaradas no IRS - no anexo G - e depois estão sujeitas a uma tributação", afirma.

O revisor oficial de contas chama ainda a atenção para o preço de compra. "Para efeitos tributários, o que conta são as ações adquiridas há mais tempo".

Mais valias: “Só temos a ganhar se tivermos mais conhecimento”

“O conceito base das mais-valias imobiliárias é mais ou menos simples de perceber”, refere Pedro Pais. Contudo o cálculo das mais-valias não é imediato porque tem em conta fatores como, por exemplo, o coeficiente de atualização monetária.

O tema acaba por gerar dúvidas pelo que o conselho dado pelos especialistas é procurar mais conhecimento. “Nós só temos a ganhar se tivermos mais conhecimento, porque assim fazemos escolhas melhores”, aponta Pedro Andersson, jornalista da SIC.

Veja ou reveja o episódio na íntegra: Ideias em Cheque: IRS – Vamos esclarecer algumas dúvidas

Partilhe este artigo
Etiquetas
  • #declaração de rendimentos,
  • #ideias em cheque,
  • #IRS,
  • #mais-valias
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)