Nos dias de hoje, saber comunicar em várias línguas é muito importante. Saiba 9 formas de aprender a falar uma nova língua sem gastar muito dinheiro.

Aprender uma língua estrangeira é muito valorizado no mercado global de hoje.

Este facto pode ser um diferencial decisivo no mercado de trabalho, na hora de avaliar o seu Curriculo Vitae (CV). É certo que aprender um novo idioma é um desafio e pode ser intimidante. Requer, para além do esforço, vontade, desempenho e muita prática, mas quando se trata de ter melhores oportunidades e maior destaque em ambiente profissional, esse esforço, vale a pena.

Como investir numa nova língua sem pesar na carteira?

Ser fluente numa língua pode ser uma mais valia. Quanto ao investimento, para aprender um novo idioma fazer um curso ou optar por outras alternativas. Há formas de o conseguir, economizando tempo e dinheiro.

Neste sentido o avanço e melhoramento constantes da era digital dão uma grande ajuda. Hoje em dia, basta uma ligação à internet e temos ao nosso alcance praticamente tudo, não requerendo, portanto, um grande investimento financeiro para a aprendizagem de um idioma.

Quando não há oportunidade, tempo ou disponibilidade financeira para frequentar um curso de línguas, mas ainda assim gostava muito de ser fluente noutra língua, pode utilizar outras ferramentas e ter hábitos de prática que podem ajudá-lo a aprender uma língua de forma autodidata.

Assim damos-lhe 9 dicas para poder aprender uma língua estrangeira sem gastar muito dinheiro:

Ouça músicas noutra língua.

Uma das dicas mais importantes que lhe posso deixar é: mergulhe de cabeça no idioma que quer aprender. É fundamental estar em contato com essa língua o maior tempo possível durante o seu dia a dia, para que esse idioma seja, para si, cada vez mais “natural”.

Por esse motivo ouça músicas no idioma que quer aprender e tente perceber o que diz a letra e depois pesquise a tradução. Ouça várias vezes as mesmas músicas com e sem a tradução à frente e anote, tentando sempre distinguir as palavras cantadas e pratique a escrita das palavras que vai aprendendo. Comece por músicas pequenas (como por exemplo infantis) ou apenas pelo refrão e depois passe para o resto da música.

Veja canais de televisão noutra língua.

Veja filmes, séries ou algum programa televisivo que goste, preferencialmente com legendas e faça o mesmo exercício do ponto anterior – prestar atenção a cada palavra e à tradução para a nossa língua, assim como à construção de frases. Depois anote as expressões novas que aprendeu. Posteriormente faça o mesmo exercício mas sem legendas.

É uma excelente maneira de treinar a compreensão do texto, treinar a habilidade para ouvir, melhorando também a pronúncia.

Procure livros bilingues

Assim como o recomendado anteriormente com músicas, filmes ou séries, ler textos ou livros inteiros no idioma que deseja aprender é outra excelente dica que não pode excluir. Comec , de preferência com pequenos textos, depois passe para livros pequenos e vá aumentando para os mais volumosos, à medida que vai progredindo na língua.

Ler as notícias na internet ou um jornal físico ajuda-o, pois está em contacto com uma linguagem mais simples e directa. Pode ainda ler e reler o texto várias vezes, observar como se escrevem as palavras e anotar cada palavra que não entenda,para procurar o seu significado.

Use e abuse da tecnologia (aplicações,sites de internet, plataformas,etc).

Vivemos na era da tecnologia, onde tudo é amplamente facilitado através do acesso à internet pelo nosso smartphone ou tablet. Sendo assim aproveite os seus dispositivos, pesquise e aprenda. Existem vários sites ou aplicações gratuitas, ou com baixo investimento,às quais pode recorrer para estar em contato direto com a língua que deseja aprender (Duolingo, Busuu, Livemocha ou Lingualeo, por exemplo).

As várias aplicações disponíveis possuem diferentes níveis de aprendizagem, o que facilita muito a vida dos iniciantes. Para além disso algumas delas são interativas, assemelhando-se a um jogo, onde o aprendiz pode receber recompensas ao atingir determinado objetivo, passando para o próximo nível de dificuldade. Por estarem à distância de um clique, pode aproveitar, por exemplo, o tempo decorrido no percurso para o trabalho ou a sua hora de almoço para praticar.

Altere o idioma do seu telemóvel.

Para aprender uma língua nova é importante, como já referi anteriormente, que a inclua no seu dia a dia. Por isso mude o idioma do seu smartphone, tablet ou pc lá de casa. Outra dica é alterar também o idioma das suas aplicações e das suas redes sociais, criando desta forma o contato diário com a língua que quer aprender, forçando a aprendizagem do significado de cada palavra utilizada nas respetivas redes e sites.

Crie um método regular de estudo.

Aprender um novo idioma pode não ser tarefa fácil, por isso é necessário comprometimento da sua parte. Marque, todos os dias, um período de tempo dedicado ao estudo, mesmo que seja pouco tempo, e respeite essa tarefa. Saia da sua zona de conforto, seja responsável e comprometido consigo mesmo e com os objetivos que traçou desde o início, quando decidiu aprender um novo idioma, e não se esqueça daquilo que o motivou a começar. Se estudar por conta própria, intensifique a prática, sempre que possível, com as dicas que lhe deixo neste artigo.

Conviva com pessoas de outras nacionalidades.

Faça novas amizades. É sempre bom conviver e comunicar com outras pessoas e se forem de diferentes países e culturas ainda melhor. Potencie os encontros, tais como networking ou after-works, com pessoas que falem outro idioma, pesquisando nas diversas apps de eventos que existem ( eventbrite, all events city, viral agenda, meetup ,entre outras). É uma ótima forma de começar a praticar o idioma.

Em algumas das aplicações ou plataformas que existem, existe a possibilidade de contactar nativos do país do qual pretende aprender a língua. Essas pessoas podem ajudá-lo a aperfeiçoar o vocabulário e a pronúncia, podem proporcionar conversas no idioma que pretende aprender, com a vantagem de poder ser corrigido na hora por alguém que esta familiarizado com a língua. Para além disso essas aplicações permitem que realize testes de avaliação realizados pelos nativos, ajudando a ter uma perceção da sua evolução.

Por último, fale.

Fale em casa, com os seus familiares, amigos, mas fale. Não hesite em falar o novo idioma em público. Nada melhor para aprender outra língua do que começar a falar nessa mesma língua. Não fique com vergonha se ainda não falar o idioma corretamente. Isso leva o seu tempo.

Não é possível ser fluente num idioma sem praticar a conversação. Fale com nativos (através do skype, por exemplo), incentive um amigo a aprender juntamente consigo e pratique com ele. No início há muitas palavras que lhe vão “faltar”, mas com o tempo vai enriquecendo cada vez mais o vocabulário.

Em suma, dominar ou ter conhecimento básico de um outro idioma é um requisito indispensável, tanto por questões pessoais quanto profissionais. O importante é optar por uma língua que realmente gostasse de aprender e comece por colocar em prática todas as dicas que lhe indiquei acima, elas vão ajudá-o neste processo, sem ter que fazer grande investimento financeiro.

Ler mais: Como investir na formação sem gastar muito dinheiro