Bem-estar

Férias sustentáveis: 10 destinos nacionais amigos do ambiente

Sabia que pode descansar e aproveitar a vida sem prejudicar o ambientar? Conheça alguns destinos nacionais para umas férias sustentáveis.

Bem-estar

Férias sustentáveis: 10 destinos nacionais amigos do ambiente

Sabia que pode descansar e aproveitar a vida sem prejudicar o ambientar? Conheça alguns destinos nacionais para umas férias sustentáveis.

Numa altura de férias são muitas as pessoas que só pensam em descanso e lazer. Mas sabia que pode ter tudo isso e ter umas férias sustentáveis? Por outras palavras, há que saber preservar para perdurar. Ou seja, é fundamental aproveitar o seu verão, sem prejudicar o ambiente e o futuro de todos nós.

Para isso, siga o lema: reciclar, reutilizar e reduzir.

Nesse sentido, pode e deve escolher destinos e colocar em prática algumas ações que permitam ter umas férias mais sustentáveis.

Leia ainda: Guarda-roupa sustentável: Saiba como criar o seu;

O que são umas férias sustentáveis?

Umas férias sustentáveis são aquelas que lhe permitem descansar, relaxar e divertir-se, mas sem prejudicar o ambiente. Ou seja, são férias em que cada um de nós não coloca em causa a possibilidade das gerações futuras poderem usufruir igualmente dos mesmos locais onde atualmente passamos as nossas férias.

Assim, pequenas alterações nos hábitos do nosso dia a dia podem fazer toda a diferença! Em seguida, deixamos alguns conselhos para tornar as suas férias amigas do ambiente.

Dicas para umas férias sustentáveis

  • Use o que tem em vez de comprar algo novo;
  • Se vai fazer uma viagem em família, reduza o número de carros (menos carros=menos poluição);
  • Se vai acampar, não se esqueça de continuar a separar e a reciclar o lixo;
  • Recicle a roupa de anos anteriores;
  • Use garrafas reutilizáveis em vez de comprar uma garrafa de água sempre que vai para a praia;
  • Prefira os transportes públicos, andar a pé ou de bicicleta;
  • Se cozinhar nas férias, opte pelos mercados e produtos locais;
  • Se quer trazer alguma recordação, escolha o artesanato da região;
  • Evite trocar a roupa de cama todos os dias - se em casa não faz, porque fazê-lo no hotel?;
  • Por fim, substitua tudo o que tem em papel (bilhetes, reservas, mapas, etc.,) pelas versões digitais.

Leia ainda: Ser mais sustentável ao partilhar carro e ainda poupar. Saiba como

10 Destinos nacionais para umas férias sustentáveis

Não menos importante do que as ações acima referidas, é escolher um destino que já de si próprio é amigo do ambiente. Em seguida, deixamos algumas sugestões que pode e deve aproveitar.

CEPO VERDE, Serra do Montesinho

Num primeiro olhar, o Cepo Verde pode parecer um dos habituais parques de campismo, com lugar para tendas e autocaravanas. E é, mas não só! Tem igualmente um alojamento ecológico inovador e patenteado em Portugal: cabanas rotativas. Estas não são mais do que casinhas em madeira que estão entre a tenda e o bungalow e a sua posição pode mudar ao longo do dia, otimizando assim a luz solar e o conforto térmico do espaço.

Estas casinhas têm espaço para pouco mais do que uma cama e uma mesa. Com cerca de três hectares, o Cepo Verde tem uma bela vista para o Parque Natural do Montesinho. Além disso, aqui pode ainda dedicar-se a atividades como a observação de aves e plantas e a apanha da castanha e da cereja.

CERDEIRA - HOME FOR CREATIVITY, Serra da Lousã

A aldeia da Cerdeira foi "descoberta" em 1988 por Kerstin Thomas que estudava em Coimbra e instalou aqui o seu ateliê para cumprir um sonho: reabilitar as casas em vez de construir novos alojamentos neste vale a 700 metros de altitude na Serra da Lousã.

Assim, este estudante pôs mãos à obra e começou por organizar juntamente com 3 amigos, festivais de artes e em 2018 inaugurou o turismo rural sustentável ligado à criação e formação artística.

Durante a estadia, pode igualmente marcar workshops em diversas áreas, nomeadamente: olaria, cerâmica ou encadernação artesanal.

Ao ar livre, pode ainda praticar várias atividades, como por exemplo trilhos, passeios de bicicleta e BTT e ainda percursos de canoa.

Leia ainda: Como tornar o mundo mais sustentável: Guia prático para pais e filhos

QUINTA DO VALE DA LAMA, Lagos

Na zona de Odiáxere, o objetivo da Quinta do Vale da Lama é proporcionar umas férias sustentáveis. Em primeiro lugar, esta quinta privilegia uma agricultura que regenera os solos em vez de os desgastar. Assim, uma boa parte do terreno está dedicado à agrofloresta, onde se misturam árvores naturais da zona e resistentes à seca, com pomares e hortas.

Por aqui andam vários animais como ovelhas, burros ou galinhas que ajudam na limpeza e fertilização do solo. Existe ainda uma loja e a cozinha do Vale da Lama, onde se pode comer e comprar cabazes de produtos. Por outro lado, nesta quinta os hóspedes podem ainda usufruir da terra, ir à piscina, ir à praia, que fica a 30 minutos de carro, e dar uns belos passeios de bicicleta nas ciclovias existentes.

ECO SOUL ERICEIRA, Ericeira

O ECO SOUL fica junto à praia de São Julião, perto da vila da Ericeira. Logo, para aqui ficar, é preciso ser amante da natureza e paciência para o tempo incerto. Ainda assim, este pequeno hotel de cinco quartos é ideal para descansar já que tem uns terraços privativos com vista para o mar.

Por outro lado, este espaço tem cuidados redobrados com o meio ambiente:

  • a arquitetura aproveita a orientação do sol para aquecer o edifício e permite usar biomassa para o aquecimento de caldeiras e radiadores;
  • As casas de banhos tal como os terrenos, não conhecem químicos: foram revestidas a materiais como o microcimento, que dispensam químicos na sua manutenção;
  • A água da chuva é aproveitada e cria um dos aspetos mais vistosos de cada quarto: um chuveiro — parece mentira, mas é verdade! É a chuva que alimenta um sistema de duche ao ar livre.

RIO DO PRADO, Óbidos

Os alpendres deste boutique hotel em Óbidos são mais ou menos salas de espetáculo e permitem disfrutar ao final do dia de um belo pôr-do-sol.

Este alojamento ao longo do Rio Prado tem igualmente vários pormenores que o tornam amigo do ambiente, como a sua construção bioclimática e a a reutilização de materiais na construção e decoração.

No meio do pomar e de hortas, tem ainda o restaurante "Maria Batata", onde as mesas são feitas de resíduos de madeira e as refeições à base de produtos criados na terra. Se preferir, pode cozinhar numa fogueira ao ar livre.

Leia ainda: Quer um estilo de vida mais sustentável? 5 dicas que pode ajustar para começar já

BIOVILLA, Serra da Arrábida

A Biovilla é uma cooperativa sem fins lucrativos e situa-se em pleno Parque Natural da Serra da Arrábida, entre Setúbal e Palmela. Com 55 hectares sempre cultivados é ideal para umas férias sustentáveis. Este projeto assenta em 3 pilares fundamentais:

  • o turismo:
  • a educação virada para a natureza em regeneração;
  • a agricultura sustentável de forma integrada.

Num cenário de serra e mar, este alojamento com 4 quartos, tem ainda uma piscina panorâmica. Além disso, a construção é feita a partir de madeiras recicladas, está equipada com painéis solares e é capaz de recolher a água das chuvas para rega.

SANTA BÁRBARA ECO RESORT, Ribeira Grande, São Miguel, Açores

Aqui pode encontrar uma verdadeira beleza natural, onde o verde e as vacas estão por todo o lado. O Santa Bárbara Eco Resort situa-se na Ribeira Grande, ilha de São Miguel, e o seu principal objetivo é minimizar o impacto nas ilhas vulcânicas.

Por outro lado, a arquitetura confunde-se com a paisagem pela forma como aproveita os desníveis do terreno em vez de os reformular. Além disso, ainda usa materiais locais, como a criptoméria, e nacionais, como a cortiça.

A eficiência energética está bem presente na construção deste alojamento, existindo painéis fotovoltaicos, e nos telhados captam água da chuva, que é usada, mais tarde, nos terrenos, para uma melhor gestão dos recursos hídricos.

QUINTA ALEGRE, Calheta, Madeira

Na Calheta, a Quinta Alegre fica a poucos minutos da floresta Laurissilva, Património Mundial da UNESCO. O seu sistema fotovoltaico cobre 50% do consumo total de energia. Seja como for, este alojamento promove a sustentabilidade bem visível nalguns pormenores, como por exemplo:

  • uma lareira que aquece os espaços comuns e que serve assim para aquecer a água usada no edifício;
  • para regar os jardins, usa-se água reciclada através de um tratamento biológico feito no hotel;
  • o hóspedes podem pedir bicicletas e carros elétricos (nalguns casos com custo adicional) e assim explorar a ilha;
  • por fim, é possível fazer umas visitas guiadas pelos responsáveis do hotel.

Leia ainda: Objetivos de desenvolvimento sustentável: o que são e como influenciam a nossa vida

QUINTA DAS ÁGUIAS, Paredes de Coura

Esta quinta é um verdadeiro santuário de “animais em necessidade”. É uma organização sem fins lucrativos e acolhe várias dezenas de animais, nomeadamente cavalos, porcos, ovelhas e diversas aves.

A alimentação vegetariana faz parte da filosofia desta casa que é contra a morte de animais. E no meio de mais de 700 árvores, o cliente pode optar entre a Casa de Hóspedes, uma casa típica da região, recuperada e com três quartos que pode ser alugada na sua totalidade, e a Casa do Pavão, um antigo celeiro com espaço para quatro pessoas e onde costuma ter habitualmente a presença de pavões.

CHÃO DO RIO, Serra da Estrela

O Chão do Rio situa-se numa aldeia a 15 minutos de Oliveira do Hospital. Aqui, pode encontrar várias galinhas pelo terreno que estão sempre a remexer o solo, evitando o seu desgaste. E pode contar com ovos frescos todas as manhãs nas 9 casas aqui situadas.

Além disso, todos os alojamentos são casas independentes com vista sobre os 300 metros quadrados de piscina biológica - uma espécie de lago artificial onde a temperatura e a limpeza da água são reguladas pelas plantas e os animais. Sempre no meio do campo, encontrará um um autêntico um bosque de árvores autóctones, abrigos para lebres e coelhos selvagens. Para terminar, tem a possibilidade de fazer massagens à sombra dos carvalhos.

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe o seu comentário

Indique o seu nome

Insira um e-mail válido

Fique a par das novidades

Receba uma seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser para receber a seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser
Obrigado pela subscrição

Queremos ajudá-lo a gerir melhor a saúde da sua carteira.

Não fique de fora

Esta seleção de artigos vai ajudá-lo a gerir melhor a sua saúde financeira.