Crianças

Vai escolher a creche do seu filho? Saiba o que deve ter em conta

Está à procura de creche? Horário de funcionamento, localização, mensalidade, atividades são algumas das coisas que deve ter em conta.

Crianças

Vai escolher a creche do seu filho? Saiba o que deve ter em conta

Está à procura de creche? Horário de funcionamento, localização, mensalidade, atividades são algumas das coisas que deve ter em conta.

Escolher a creche está, certamente, entre as principais preocupações dos futuros pais. Sobretudo, daqueles que não têm rede de apoio familiar e cedo começam a questionar-se onde vão deixar o bebé quando as licenças de maternidade e paternidade terminarem. 

Encontrar uma creche pode ser um grande desafio, tanto a nível psicológico como a nível financeiro. Assim, no sentido de ajudar os futuros papás a organizar as ideias, reunimos as questões centrais que devem ter em conta no momento da escolha da creche do seu filho. Saiba ainda que contas deve fazer. 

É durante a gravidez que os primeiros meses de vida do bebé começam a ser preparados. As listas de espera das creches são quase sempre assustadoras, assim como os valores das mensalidades no privado. Por isso, este é, inevitavelmente, um fator de angústia para os futuros pais.

Ter calma, pensar com algum distanciamento e, acima de tudo, fazer uma boa pesquisa, é essencial para começar esta aventura. 

Leia ainda: Creches gratuitas: Plano arranca para o ano e chega a todos em 2023

Que hipóteses estão em cima da mesa?

Esta é a primeira pergunta que se deve colocar. Há hipótese de ficar em casa com o bebé durante o seu primeiro ano de vida? Existe algum tipo de suporte familiar a que possa recorrer? 

Depois de traçar a big picture analise as suas rotinas. Nomeadamente, os horários do pai e da mãe, trajetos habituais, creches nas redondezas do trabalho ou de casa, que familiares ou amigos podem estar disponíveis para ajudar. Esta etapa ‘zero’ é absolutamente essencial para perceber se, realmente, não está a escapar nada e como pode funcionar a dinâmica familiar com o novo membro. 

Nesta fase, outro aspeto importante é fazer um levantamento exaustivo das creches que estão naquela que é a sua "zona de conforto". Concentre-se nos trajetos para o trabalho, na zona de residência, etc. Também pode ser uma boa ajuda ter referências. Fale com outros pais (em quem confie) e oiça as suas experiências. Estas podem ajudar a ver as coisas de outra perspetiva.  

Feito o levantamento das rotinas familiares e das hipóteses disponíveis, está na hora de dar o passo seguinte.  

Vamos a contas para escolher a creche?

Sim, o passo seguinte é perceber que valores são exequíveis tendo em conta o seu orçamento familiar. Regra geral, existem três hipóteses para os futuros pais: creches públicas e totalmente gratuitas (existem poucas e normalmente têm grandes listas de espera); as IPSS (Instituições Privadas de Solidariedade Social), cuja mensalidade está depende dos rendimentos dos pais; e, finalmente, as creches privadas, sendo que nestas o valorda mensalidade é, inteiramente, definido pela escola. 

Faça então as suas contas. Com base nos resultados, volte a analisar a sua lista e identifique quais as creches que podem, realmente, ser a solução. Pagar uma creche pode representar um encargo muito grande para a família, por isso, avalie com muito cuidado a disponibilidade financeira, antes de escolher uma creche da sua lista. 

Por outro lado, importa sublinhar que quando estiver a analisar mensalidades deve ter em conta o que está incluído no valor mensal apresentado. Por exemplo, certifique-se se a alimentação está incluída, assim como as fraldas. Estes são dois exemploos do que pode ser considerado como um extra. Contudo, estes "detalhes" podem fazer a diferença ao final do mês. 

Leia ainda: Covid-19: O que acontece se ficar em casa com os meus filhos?

mesa e cadeiras num Infantário

Projetos educativos, horários, segurança, o que deve considerar?

Nesta etapa, já deverá ter um número mais reduzido de hipóteses. Chegou então o momento de se focar na estrutura e no funcionamento de cada uma das creches selecionadas para, posteriormente, poder fazer a sua escolha. 

Assim, sendo, deve informar-se sobre os horários de funcionamento para garantir que não vai ter de pagar horas extra. Além disso, procure saber qual o projeto educativo da escola e certifique-se que as orientações vão ao encontro do que pretende para o seu filho.

Veja também quais são as atividades organizadas. Estes momentos são essenciais para o desenvolvimento das crianças, uma vez que estimulam a criatividade e aproximam-nos dos outros.

Tenha ainda em atenção as normas de segurança. Nomeadamente, quem pode ir buscar a criança e se as zonas exteriores são seguras. Procure ainda saber qual é o número de crianças por sala.

Outra questão que deve ter em consideração é a alimentação. Deve, por isso, perceber como funciona a preparação dos menus. Esta informação vai, certamente. trazer-lhe tranquilidade. Especialmente, se a criança for "complicada" na hora de comer. 

Resumidamente, estes são os aspetos que, por mais "simples e habituais" que possam parecer, devem pesar na hora de decidir onde vai colocar o seu filho, e podem também ter influência na mensalidade a pagar. 

Chegou a hora da visita e/ou entrevista à creche

Quando chegar à fase das visitas importa garantir, desde logo, que tem tempo para dispender com esta tarefa. Visitar creches à pressa pode contribuir para aumentar a sua ansiedade. Portanto, é preciso que o faça com calma. Observe cada canto e, acima de tudo, questione. Não deixe nada por perguntar.

Tenha em consideração a empatia que estabelece com quem o recebe, com as auxiliares e educadoras. Observe o ambiente e as interações, isto será o mais próximo que vai ter do funcionamento do espaço. 

Prepare-se ainda para a possibilidade de alguns espaços sugerirem uma entrevista. Esta tem como objetivo dar a conhecer a instituição e a ajudar a esclarecer as suas dúvidas. 

Finalizado este processo, vai ter à sua disposição toda a informação que lhe vai permitir tomar uma decisão informada e, assim, deixar o seu bebé em boas mãos. A ida para a creche pode ser, de facto, muito stressante para os pais e para o bebé. Por isso, descomplique e, principalmente, organize-se e comece a procurar com bastante antecedência. 

Leia ainda: Recebi um cheque infância da minha empresa. Que impostos vou pagar?

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe o seu comentário

Indique o seu nome

Insira um e-mail válido

Fique a par das novidades

Receba uma seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser para receber a seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser
Obrigado pela subscrição

Queremos ajudá-lo a gerir melhor a saúde da sua carteira.

Não fique de fora

Esta seleção de artigos vai ajudá-lo a gerir melhor a sua saúde financeira.