Finanças pessoais

Quer vender a sua casa? 8 dicas para fechar negócio com sucesso

Pretende vender a sua casa, mas está com algumas dificuldades? Saiba neste artigo alguns aspetos que deve ter em consideração.

Finanças pessoais

Quer vender a sua casa? 8 dicas para fechar negócio com sucesso

Pretende vender a sua casa, mas está com algumas dificuldades? Saiba neste artigo alguns aspetos que deve ter em consideração.

Vender uma casa nem sempre é um processo fácil e rápido. Existem vários aspetos que deve ter em consideração para facilitar o negócio, obter mais interessados e maximizar o preço final. Saiba como ter sucesso nesta sua "missão".

Defina um preço competitivo

Um dos pontos que pode influenciar imediatamente o número de interessados é o preço da habitação. O objetivo é ganhar o máximo dinheiro possível, mas, deve ser realista no que diz respeito ao valor real da sua casa. Lembre-se que casas sobrevalorizadas não só se tratam de um problema para o comprador, como para o banco. Um preço exagerado só dificulta a venda.

Por isso, procure saber que preços estão a ser praticados no mercado para uma casa idêntica à sua. Não se deixe influenciar pelo preço que vê nos anúncios, visto que os imóveis podem estar à venda há meses. A estratégia para obter, rapidamente, vários compradores é colocar a casa à venda por um preço ligeiramente abaixo de mercado. Assim, ao obter vários interessados, vai criar concorrência entre si e levá-los a fazer propostas superiores.

Leia ainda: Vai comprar casa para vender posteriormente? Saiba como valorizá-la

Torne a descrição do anúncio apelativa

Outro dos aspetos relevantes para vender a sua casa é a descrição do anúncio. Assim, quer esteja a tentar vender a título particular, ou através de uma imobiliária, o objetivo da descrição mantém-se: deve ser clara, completa e expor todos os pontos diferenciadores da sua habitação. Por exemplo, a localização (se está perto de escolas, transportes públicos, restaurantes, locais ao ar livre para fazer exercício ou para as crianças brincarem, etc.), o certificado energético, se tem piscina ou divisões específicas para lazer, entre outros aspetos que podem fazer da sua casa única e convencer o comprador.

Mas, atenção, existe o risco de usar demasiadas palavras que chamam à atenção do comprador e, isso, pode ter o efeito inverso. Por isso, forneça no anúncio toda a informação relevante, enfatizando os pontos diferenciadores, mas, sem torná-lo num "fogo de vista" para não desiludir o comprador quando visitar a sua casa.

Leia ainda: Vou vender a minha casa. Devo contratar um mediador imobiliário?

Aposte em fotografias de boa qualidade

As fotografias da casa são a primeira coisa que o comprador vai ver. E, geralmente, acabam por ditar se vai contactá-lo, ou não, para agendar uma visita. Para mostrar o que, realmente, vale a sua casa, deve apostar tudo neste ponto. Fotos com bastante luz natural, tiradas num ângulo que favoreça certas zonas da casa, mostrando a sua área real, etc. contribuem, em grande medida, para um comprador decidir rapidamente. Se tiver de esperar por um dia solarengo para tirar as melhores fotografias, então espere, vai valer a pena.

Além disso, evite tirar as fotografias com o telemóvel, ainda que as suas câmaras fotográficas possam ser de qualidade. Uma boa máquina fotográfica pode conseguir melhores resultados. Se perceber que precisa de contratar um fotógrafo, deve vê-lo como um bom investimento. Perante centenas de anúncios, se quiser destacar-se da concorrência, é neste ponto que deve apostar primeiro.

Leia ainda: Obras em casa? Há novos apoios à eficiência energética

Foto principal do anúncio é o seu cartão de visita

A somar à qualidade das fotos, deve ter em consideração que a foto principal do anúncio é a que vai captar, ou não, a atenção do possível comprador. Por isso, deve mostrar os pontos diferenciadores do imóvel, de modo a suscitar o interesse em ver mais. Além disso, assumindo que a primeira foto realmente capta a atenção, deve garantir que as seguintes mantêm o nível de qualidade. Caso contrário, a expectativa diminui e a probabilidade de ser contactado para uma visita é menor.

Leia ainda: Comprar uma casa para arrendar: 4 aspetos a ter em conta

Organize e mantenha a casa limpa

Ter a casa organizada e limpa é um fator decisivo na hora de vender. O espaço pode até parecer mais pequeno se tiver demasiadas coisas numa só divisão. Por isso, veja o que realmente interessa ter e até que ponto melhoram a decoração das divisões. O primeiro impacto é crucial e quanto maior a sua casa parecer, mais probabilidade terá de fechar o negócio.

Deve ainda garantir aspetos como janelas em boas condições, jardim bem tratado e limpo, chão sem quaisquer sinais de danos, um exterior bem decorado e com uma pintura nova, etc., para passar a confiança de que a casa não necessita de quaisquer intervenções. Se conseguir criar esta impressão positiva, torna-se mais fácil conseguir o preço de venda que deseja.

Leia ainda: Como vender a sua casa: através de uma imobiliária ou sozinho?

Destaque o espaço para um escritório

Um espaço para escritório é, mais do que nunca, uma mais valia. Com a pandemia, muitas famílias tiveram de se adaptar ao teletrabalho e, para um melhor desempenho, ter escritório em casa tornou-se uma prioridade. Por isso, destacar esta divisão vai trazer-lhe vantagens em relação à concorrência.

Disponibilidade total para visitas

Se pretende vender a sua casa rapidamente tem de estar disponível para agendar visitas. Agendamentos em cima da hora causam sempre transtorno, no entanto, se os possíveis compradores não virem a casa, nunca conseguirá fazer negócio. A sua habitação pode ter potencial, mas, ninguém comprará sem a ver. Assim, se não estiver disposto a tornar este processo flexível, corre o risco da sua casa ficar no mercado por um longo período de tempo.

Pode ainda fazer "casa aberta" durante um fim de semana, ou num dia em particular, e juntar nesta ocasião todos os interessados. No entanto, tenha em consideração que existem pessoas que preferem agendar para ver a casa em privado e com mais calma. Por isso, a sua disponibilidade é uma peça chave nestas ocasiões.

Leia ainda: Minimalismo: o poder da transformação em casa

Mostre a casa durante as horas de maior luminosidade

Ao mostrar a sua casa durante as horas de maior luminosidade, torna todo o ambiente mais inspirador e atrativo. Porém, tenha atenção aos detalhes. Ou seja, no caso de a casa ter alguns defeitos ou danos, estes também se tornam mais visíveis. Daí a importância de garantir pequenas manutenções, de forma a maximizar o preço de venda.

Leia ainda: 11 aspetos a ter em conta antes de fazer obras em casa

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixar uma resposta (Podemos demorar algum tempo até aprovar e mostrar o seu comentário)