Finanças pessoais

Quer poupar nas compras de natal? 15 dicas para atingir esta meta

O Natal é uma época de amor e alegria, mas também de muitos gastos. Conheça um conjunto de dicas para poupar na quadra natalícia.

Finanças pessoais

Quer poupar nas compras de natal? 15 dicas para atingir esta meta

O Natal é uma época de amor e alegria, mas também de muitos gastos. Conheça um conjunto de dicas para poupar na quadra natalícia.

Poupar nas compras de Natal pode não ser uma meta fácil de atingir, e acima de tudo, é um desafio. Assim, se quer poupar nesta quadra tem de conseguir dizer “não” ao consumismo, ou seja, às compras em excesso, por impulso e sem planeamento. Nesse sentido, deve começar por fazer um plano para poupar nas suas compras.

Seguem-se algumas dicas que podem ajudar a poupar nesta quadra natalícia.

Como poupar nas compras de Natal?

1. Guarde o subsídio de Natal

O "segredo" é tentar guardar este dinheiro, quer o receba no Natal ou ao longo do ano, em duodécimos. Assim, guarde-o especialmente para a quadra natalícia, contudo, deve tentar gerir esse montante de forma a comprar as prendas de natal e, ainda assim, colocar algum de parte.

Com essa quantia, pondere, por exemplo, reforçar a sua conta-poupança, fazer um depósito a prazo ou um PPR/PPE, entre outras soluções de poupança que pode, e deve, equacionar.

2. Faça um orçamento só para presentes

Comece por fazer uma lista com as pessoas a quem quer dar um presente de Natal ou, simplesmente, dar um “miminho”. Em seguida, estabeleça o plafond disponível para gastar. Certo de quanto pode gastar, vai planear melhor as suas compras. Defina quanto quer gastar com cada pessoa. Faça por cumprir o orçamento.

3. Escolha com imaginação

Um dos primeiros passos para poupar nas compras de Natal é usar a imaginação. Afinal de contas, com o mesmo dinheiro pode comprar um presente bem interessante ou até comprar mais do que um. Nesse sentido, faça uma pesquisa de potenciais presentes para cada pessoa, compare os preços. No fim, tente gastar o menos possível.

Pode ainda optar por estratégias originais para poupar em alguns presentes, recorrendo, por exemplo, ao "amigo secreto" (muito usado para jantares de Natal com colegas de trabalho ou para famílias grandes). Com um pouco de criatividade, não compra tantos presentes e a sua carteira agradece.

Leia ainda: 10 dicas para um Natal Seguro (financeiramente e mas não só)

4. Compre com tempo e com calma

Não guarde as compras para a véspera de Natal. Como diz o ditado popular: "a pressa é inimiga da perfeição". Ou seja, se estiver stressado e preocupado com horários, terá menos discernimento na hora de escolher o presente e, provavelmente, compra a primeira coisa que lhe aparece à frente. Por outro lado, evita a confusão e as longas filas. Assim, prefira fazer as compras com tempo e se possível, opte por localidades mais pequenas para fugir à azáfama das grandes cidades.

5. Poupar nas compras de Natal passa pelo comércio local

Sempre que possível, opte pelo comércio local. Não só ajuda o pequeno comércio como tem uma grande probabilidade de conseguir descontos e produtos de qualidade.

No comércio local, por vezes, encontra produtos simbólicos, mais baratos que as tradicionais prendas (roupa, perfumes ou tecnologias, por exemplo). Por outro lado, poupa tempo, combustível, dinheiro em transportes públicos, estacionamento em parques, etc. A maior parte destes negócios já funcionam online. Aproveite estas opções e evite o stress e a confusão.

6. Poupar nas compras de Natal via online

Para poupar no Natal pondere fazer as suas compras online, ou seja com conforto, comodidade e sem sair de casa. Dessa forma, evita deslocações, confusão e stress. No fim, poupa tempo e dinheiro. Por outro lado, muitas vezes, o comércio online tem descontos significativos.

7. Compare preços

Não compre a primeira coisa que lhe aparecer. Analise os preços e compare o mesmo artigo em vários estabelecimentos. Assim, ao comparar, pode efetuar melhores escolhas e poupar algum dinheiro.

Inclusive, pode usar plataformas como o OLX, para ver produtos que estejam num estado quase novo, ou o KuantoKusta, para avaliar quais são os melhores preços no mercado. Como resultado, pode poupar sem comprometer os seus objetivos.

8. Poupar nas compras de Natal é saber esperar pelas promoções

Neste caso, é optar pela hipótese de aproveitar as promoções e saldos que, normalmente, acontecem logo a seguir ao Natal. Para tal, combine com os amigos, colegas ou até família, novas datas para troca de prendas.

Leia ainda: 7 ideias para um Natal mais solidário;

9. Diga “Boas Festas” sem gastar dinheiro 

Nesta quadra, é quase como que uma tradição expressar os nossos votos de "Boas Festas", seja a amigos, familiares ou simplesmente conhecidos. Preferencialmente, faça-o pessoalmente, sobretudo se paga as SMS ou chamadas. Neste caso, opte pelas redes sociais ou email. Por outro lado, pode enviar postais personalizados, animações, músicas de Natal, etc. No final do mês, o seu saldo do telemóvel ou fatura de comunicações agradece.

10. Evite compras de última hora no supermercado

Faça uma lista das compras de supermercado e tente fazê-las com antecedência. Não guarde tudo para a última hora.

Caso se esqueça de incluir algum produto nesta lista, e tiver de ir à última hora às compras, pode ficar sob stress e com menos capacidade de discernimento para fazer escolhas.

11. Prefira comida caseira

Deve evitar encomendar comida já feita, tendencialmente mais dispendiosa. Opte por cozinhar em casa, desde as entradas às sobremesas, aos pratos principais (tudo fica mais em conta feito em casa, e mais saudável).

Também aqui, se possível, faça um orçamento para as despesas de supermercado. Por outro lado, se vai usar o forno, faça mais do que uma receita e utilize todas as prateleiras, para poupar o consumo de gás.

12. Atenção aos cartões bancários

Os cartões bancários (principalmente os de crédito) podem facilitar a vida, mas também podem potenciar o consumo excessivo. A facilidade de pagamento leva, por vezes, à perda do controlo dos gastos. Assim, tente fazer as suas compras em dinheiro e estabeleça um valor máximo.

13. Poupar nas compras de Natal com prendas feitas por si

Já pensou no que pode poupar se fizer as suas próprias prendas? Pois é, além de ser original pode poupar um montante significativo.

Se gosta de cozinhar, porque não fazê-lo? Por exemplo, faça uns biscoitos ou umas compotas com embalagens personalizadas. Aproveite e reutilize frascos ou caixas.

Lembre-se que, todos os materiais, com imaginação, podem ser reaproveitados. Aproveite tudo o que tem em casa, desde papel, garrafas, caixas de cremes, velas e outros artigos. Em seguida, transforme-os em algo original, menos dispendioso para si, e que de certo terá muito mais valor (pelo menos simbólico) para quem recebe o presente.

14. Poupe nos embrulhos

Uma das maiores "dores de cabeça" no Natal é embrulhar os presentes. Pois bem, não precisa de perder tempo nem gastar dinheiro à procura de papel de embrulho. Aproveite o que tem casa. Prefira usar jornais, papel manteiga ou panos que já não utilize. Dê um toque especial e personalizado às suas prendas.

15. Aproveite a decoração de Natal do ano anterior

Também na decoração de Natal pode poupar uns bons euros. Muitas pessoas gostam de mudar a decoração todos os anos, mas nada é contrário à meta da poupança. Assim, reutilize a que tem de anos anteriores, substitua apenas o que estiver danificado. Seja criativo e invente novas formas de decorar reutilizando materiais que já tem em casa. Por exemplo, faça cartões para pendurar na árvore de natal.

Em suma, olhe para o Natal como uma quadra de amor e alegria, e acima de tudo, como uma oportunidade de juntar a família. O consumismo excessivo deve ficar de lado para bem das suas finanças pessoais.

Leia ainda: Prendas de Natal Low-Cost: 8 ideias para o inspirar

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe o seu comentário

Indique o seu nome

Insira um e-mail válido

Fique a par das novidades

Receba uma seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser para receber a seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser
Obrigado pela subscrição

Queremos ajudá-lo a gerir melhor a saúde da sua carteira.

Não fique de fora

Esta seleção de artigos vai ajudá-lo a gerir melhor a sua saúde financeira.