O mercado das telecomunicações é um mercado de consumo enorme em Portugal, por ser uma despesa presente em todas as famílias portuguesas. Na Dica do Doutor desta semana damos-lhe a conhecer alguns truque para poupar nesta despesa.

Com as várias operadoras em guerra constante para ter mais quota de mercado, os consumidores vêem-se no meio de contratos de fidelização, preços voláteis e opções que nem sempre estão de acordo com as suas necessidades e conhecimento. O Doutor Finanças preparou assim um guia auxiliador com soluções de como poupar nas telecomunicações.

Dicas para poupar nas telecomunicações

Verifique o seu contrato de fidelização

Por norma, as grandes operadoras de telecomunicações trabalham com contratos de fidelização com duração até dois anos, fazendo com que o consumidor fique com uma operadora durante esse mesmo período e aceite as condições negociadas na altura de assinatura do contrato.

Um contrato de fidelização vincula-o a uma das operadoras, mas não é por isso que não poderá poupar. A nossa sugestão é que procure obter melhores preços dentro do seu contrato de fidelização. Com a volatilidade dos preços, utilize o seu poder de negociação para obter um melhor preço do seu pacote. Semanalmente fale com a sua operadora para melhorar as condições, eliminando serviços que não utiliza ou procure a ajuda de um consultor que lhe possa dar a informação da melhor opção de mercado para o que paga.

Compare as várias operadoras

Quando o seu contrato estiver a terminar, considere se vale a pena mudar de operadora. Compare os serviços e os preços entre operadoras e verifique se há algum pacote que lhe faça mais sentido. Caso note que mais vale permanecer na mesma operadora, renegoceie o seu pacote para obter uma maior poupança e mais serviços.

Na sua comparação, tenha em atenção à cobertura de fibra, a vantagens extra que utilize e campanhas em vigor. Uma mudança de operadora combinada com uma boa oportunidade pode ajudá-lo a poupar na sua prestação mensal no futuro.

Escolha um pacote à medida

Todas as operadoras oferecem pacotes standard com os principais serviços de TV + Telefone + Internet + Telemóvel. Geralmente estes pacotes não podem ser personalizados ao gosto e à necessidade de cada utilizador, sendo que, quando se compra os pacotes definidos, geralmente estamos a pagar por serviços que não utilizamos. Para poder diminuir a sua prestação mensal, fale com a sua operadora para fazer um pacote à medida, eliminando serviços que não utiliza. Existem soluções no mercado que operam no pressuposto de que o cliente pode escolher um pacote apenas com os serviços que utiliza, forçando as outras operadoras a também competir com outras soluções e preços.

Assim, antes de escolher um pacote, identifique as suas necessidades e consumos e compre apenas os serviços que utiliza.

Decida os serviços extra antecipadamente

Para a sua análise, pense se faz sentido não comprar um serviço para depois ter de o adquirir separadamente e ficando mais caro, como comprar mais megabites para um pacote de dados móveis. Quanto aos telemóveis, reflita se vale a pena ter telemóveis móveis no pacote de casa, considerando que a utilização de dados e de chamadas varia de utilizador para utilizador, e a oferta disponível pode levar à compra de um pacote extra.

Caso opte por um serviço mais básico e ponha a possibilidade de adicionar serviços no futuro, verifique se não será mais vantajoso comprar o serviço atualmente aproveitando alguma campanha em vigor. No entanto, não compre um serviço apenas porque pensa que poderá precisar no futuro. Analise os serviços de que necessita baseado no seu orçamento familiar e no tempo que efetivamente utiliza cada serviço.

Mantenha-se atualizado

As operadoras de telecomunicações utilizam campanhas de angariação promovendo serviços extra – crosselling – por um preço inferior. Uns meses depois, nota que a sua conta aumentou, pois, o preço da campanha em vigor foi alterado pelo mercado.

Mantenha-se atento às alterações de preço e a condições mais favoráveis. Antes de mudar ou de terminar o período de fidelização, fale com a sua operadora para renegociar o seu pacote com sugestões que outras operadoras estejam a oferecer.

Defina o seu orçamento familiar, perceba o que realmente necessita e negoceie para poder poupar também nas telecomunicações!

Outra despesa significativa no orçamento das família é o combustível. Consulte a última Dica do Doutor e saiba como poupar 100 euros com esta despesa.