Bem-estar

Regresso ao trabalho: 12 conselhos para não deprimir no pós-férias

As férias são a altura mais desejada do ano, mas têm um fim. Saiba o que fazer para não deprimir no regresso ao trabalho.

Bem-estar

Regresso ao trabalho: 12 conselhos para não deprimir no pós-férias

As férias são a altura mais desejada do ano, mas têm um fim. Saiba o que fazer para não deprimir no regresso ao trabalho.

Após as tão desejadas férias vem o difícil regresso ao trabalho. Na realidade, voltar à rotina nem sempre é fácil pelo que é fundamental saber lidar com esta inevitabilidade.

Na verdade, algumas pessoas aproveitam as férias para recarregar as baterias e voltar ao trabalho com energias renovadas. Porém, há outros que, o fim das férias é sinónimo de ansiedade e uma certa angústia em voltar à vida de trabalho normal. Para este tipo de situações, muito contribui o grau de satisfação que cada um de nós encontra no seu trabalho. Dessa forma, é muito importante parar para pensar, deixar de lado os horários, os prazos, os compromissos e o stress. Ou seja, deve fazer um regresso ao trabalho de forma tranquila. Afinal de contas, não ganha nada em stressar!

Note que, a ansiedade pode dar origem à chamada “depressão pós-férias”, especialmente para aqueles que já não se encontram felizes no seu emprego atual. Seja como for, há algumas dicas que pode e deve colocar em prática e que lhe vão facilitar o retomar da atividade.

O que é a depressão pós-férias?

É um conjunto de sintomas associados a uma resposta de humor disfórico (desânimo, desesperança, tristeza). O estado de humor pode ser caracterizado por outras emoções como raiva, aborrecimento ou medo.

É possível que surjam dificuldades de concentração, insónias, falta de energia e alguns sintomas físicos como dores musculares, dores de cabeça e problemas gastrointestinais.

Porque é difícil o regresso ao trabalho?

Já se questionou porque custa assim tanto voltar ao trabalho após o fim das suas férias? Já existem alguns estudos realizados no estrangeiro que ajudam a explicar o porquê desta depressão logo a seguir às férias. Nesse sentido, o regresso ao trabalho pode mesmo ser cansativo e difícil de lidar.

As férias dão-nos uma liberdade que no trabalho acabamos por não ter (seja a nível de horários, prazos ou rotinas). A ciência explica que, a falta de ânimo para retomar o trabalho está relacionada com a falta de liberdade para escolher o que quer fazer com o seu tempo.

Por outras palavras, em horário de trabalho tem sempre de dedicar parte do seu dia a determinadas funções laborais. Por outro lado, existem prazos e horários a cumprir, o que apenas contribui para um maior cansaço. Se não cuidar da sua saúde mental, poderá ter problemas maiores.

Além disso, tenha atenção se durante as férias desliga mesmo. Se está de férias, mas preocupado com o que deixou para fazer no trabalho, não só não aproveitará o seu descanso como vai regressar cansado.

Leia ainda: Vai de férias? 5 estratégias para desligar do trabalho

12 sugestões para um regresso ao trabalho tranquilo

Se está prestes a regressar à sua rotina profissional e sente algum stress e ansiedade, então leia algumas dicas para um regresso ao trabalho mais calmo e feliz.

Preste atenção ao que está a sentir

É importante perceber se o que estamos a sentir está relacionado com a nossa vida pessoal ou vida profissional. Tente perceber se é uma situação passageira, provocada pela mudança repentina de um estado de relaxamento nas férias para o regresso a uma vida com um ritmo maior e repleta de compromissos.

Pare para pensar e analise bem sobre o que sente, o que está a causar a instabilidade. Pense no que pode fazer para melhorar o seu bem-estar.

Evite um regresso ao trabalho repentino

Não regresse das férias para começar a trabalhar no dia seguinte. Planeie o seu regresso 2 ou 3 dias antes de regressar ao emprego. Assim, irá habituar-se gradualmente às rotinas e horários da sua vida "normal". Organize a sua via pessoal e a sua casa para que possa voltar ao trabalho sem stress e preocupações.

Leia ainda: Excesso de informação? 3 dicas para descansar o cérebro na era digital

Recomece gradualmente

A melhor forma de reduzir o cansaço pós-férias é planear tudo com antecedência. Ou seja, não deixar o trabalho todo acumulado para o seu regresso e quando retomar a atividade, comece por fazer aquelas tarefas diárias mais simples e de fácil resolução. Coloque o seu bem-estar em primeiro lugar!

Por outras palavras, não retome o ritmo de trabalho de forma abrupta e intensa. Assim, faça uma transição o mais suave possível. Por exemplo, se conseguir, regresse a meio da semana. O ser humano normalmente precisa de algum tempo até se adaptar a novas rotinas.

Informe-se sobre o que aconteceu enquanto esteve fora

Na realidade, enquanto esteve de férias, o mundo não parou. Se a sua empresa não fechou, provavelmente houve acontecimentos, reuniões e decisões da quais deve estar a par. Assim, converse com os colegas de trabalho e informe-se de tudo o que aconteceu de relevante na sua ausência.

Altere comportamentos no regresso ao trabalho

Não olhe para o regresso ao trabalho como uma triste notícia, aproveite a oportunidade para efetuar mudanças na sua vida e melhorar o seu bem-estar. Faça uma análise dos seus comportamentos e verifique o que pode mudar de modo a tornar os dias mais alegres, como por exemplo:

  • Evite acordar em cima da hora e começar o dia logo a correr;
  • Tire tempo e faça um exercício matinal (por exemplo, uma caminhada de 30 minutos);
  • Ouça uma das suas músicas preferidas enquanto toma o duche da manhã;
  • Tome um bom pequeno almoço e sem pressas;
  • Tente chegar ao trabalho mesmo em cima da hora a que devia entrar e evite o trânsito.

Na prática, a mudança de comportamento implica uma força de vontade interior que, nem sempre temos. Mas tente! Lembre-se que muito do stress que temos, somos nós próprios que o criamos. Não ande a correr e faça tudo com tempo. Planeie horários.

Leia ainda: Evitar e combater o stress: 18 dicas para equilibrar trabalho e vida pessoal

De regresso ao trabalho? Faça férias várias vezes ao longo do ano

Se possível, não tire as férias todas de uma vez. Dividir os períodos de férias ao longo do ano ajudará a ter menos ansiedade no regresso ao trabalho, pois estará menos tempo seguido sem desligar da sua vida profissional.

Estar um ano à espera de férias pode criar um desgaste mental de tal ordem que esse período pode não ser suficiente para recuperar. Quando tira férias apenas uma única vez no ano, sabe que ainda falta muito tempo até voltar a ter o tão merecido período de descanso. Psicologicamente faz toda a diferença.

Faça atividades que aumentem o seu bem-estar

Em primeiro lugar, planeie a sua agenda semanal sempre que possível. A vida não é só trabalho. Assim tente fazer algumas coisas que realmente lhe deem prazer, por exemplo:

  • Ir ao cinema;
  • Jantar com amigos;
  • Ginásio ou qualquer outra atividade física (idealmente 2-3 vezes por semana).
  • Ouvir música ou simplesmente ler um livro.

O mais importante é que faça algo de que goste e que se liberte um pouco do stress do seu dia a dia de trabalho. Lembre-se que, ter momentos de lazer e de descanso na sua rotina habitual é fundamental para evitar sentir-se esgotado.

Mantenha o contacto com amigos e família

Não vivemos isolados no mundo. Assim, é fundamental socializarmos. Estar com amigos ou com a família é não só um momento de descanso bem como um suporte emocional para os nossos problemas diários. Afinal de contas, são eles a quem nós podemos recorrer para “desabafar” ou resolver algum problema da nossa vida. Aproveite todos os momentos possíveis para estar com quem mais gosta.

No regresso ao trabalho faça a sua lista de tarefas prioritárias

Organize as suas tarefas. Para isso, pense em tudo o que tem para fazer (escreva num papel, se necessário). Em seguida, tente dar uma ordem de importância às mesmas de forma a saber quais são as que deve concentrar a sua atenção. Pense nas tarefas que tem vindo a adiar e que já devia ter concluído.

Crie um novo espaço de trabalho

Já pensou que, por vezes, meia dúzia de alterações na decoração de um espaço dão logo uma nova alma e criam um ambiente totalmente diferente? Pois bem, mude a disposição de alguma coisas no seu trabalho, como por exemplo:

  • Coloque uma fotografia de quem mais ama na sua secretária;
  • Tenha uma jarra flores ou algo do género (traga a natureza para dentro do seu escritório), e sentirá uma nova energia quando se senta na sua secretária;
  • Traga de casa um objeto de decoração com significado para si (por exemplo, um buda ou algo simbólico de uma grande viagem que tenha realizado)

Tudo isto vai ajudá-lo a renovar e a criar boas energias.

Aproveite todos os fins de semana e feriados

O fim de semana ou os feriados são sempre momentos que nos permitem descansar e fugir um pouco ao stress da semana provocado pelos horários da nossa vida profissional. Assim, tente aproveitar ao máximo estes momentos. Logo no primeiro fim de semana após o regresso ao trabalho, pense no que pode fazer para manter alguns momentos de descontração.

Não tenha medo de procurar ajuda profissional

Além de todas as coisas que pode fazer para atenuar a depressão pós-férias, há algo que não pode mesmo descurar. Esteja atento aos sinais e peça ajuda a um profissional. No caso da depressão, são frequentes alterações emocionais e motivacionais, como por exemplo:

  • diminuição do humor;
  • tristeza e sentimento de vazio;
  • raiva;
  • ansiedade;
  • vergonha;
  • culpa;
  • perda de energia;
  • falta de interesse por atividades;
  • dificuldades de concentração;
  • isolamento social;
  • perturbações do sono,
  • falta de apetite,
  • entre outras.

Nestes casos, não tenha receio. Procura ajuda de um profissional.

Leia ainda: Subsídio de férias: o que posso fazer com o valor recebido?

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe o seu comentário

Indique o seu nome

Insira um e-mail válido

Fique a par das novidades

Receba uma seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser para receber a seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser
Obrigado pela subscrição

Queremos ajudá-lo a gerir melhor a saúde da sua carteira.

Não fique de fora

Esta seleção de artigos vai ajudá-lo a gerir melhor a sua saúde financeira.