Finanças pessoais

Tenho notas estragadas, como reaver o seu valor? E de uma nota tintada?

Se tiver notas estragadas acidentalmente poderá conseguir recuperar o seu valor. Mas o mesmo não acontece com uma nota tintada.

Finanças pessoais

Tenho notas estragadas, como reaver o seu valor? E de uma nota tintada?

Se tiver notas estragadas acidentalmente poderá conseguir recuperar o seu valor. Mas o mesmo não acontece com uma nota tintada.

Por acidente, colocou na máquina de lavar algumas notas e ficaram danificadas? Sofreu um incêndio ou inundação e tem notas estragadas ou parcialmente destruídas? Saiba que, em determinados casos, vai poder recuperar o seu valor. O mesmo acontece se acidentalmente rasgar uma parte de uma nota. Mas, tal não se aplica se a nota que tem for uma nota tintada, ou seja, numerário marcado aquando de um assalto.

Neste artigo, procuramos explicar a diferença entre os dois tipos de notas e o que fazer se estiver na posse de cada uma delas.

Recebi notas estragadas. Posso trocá-las?

Se ao fazer compras recebeu notas estragadas ou se o seu dinheiro sofreu um acidente que o danificou, saiba que o pode trocar no Banco de Portugal, desde que:

  • se confirme a autenticidade da nota;
  • caso não esteja inteira, a fração que apresentar tem de ser mais de 50% da nota, caso não seja, deve provar que a parte em falta foi substituída.

Caso existam dúvidas sobre se o dano foi intencional, terá de identificar-se e explicar, por escrito, o que causou a mutilação ou dano ou o que aconteceu às partes em falta na nota.

No caso de, por exemplo, o seu filho ter decidido mostrar os dotes artísticos desenhando numa nota que tinha na carteira, não tem razões para se preocupar. Em princípio, não se consideram danos intencionais, as anotações, algarismos ou pequenas frases nas notas de euro.

Leia também : Pagar com dinheiro, 5 vantagens em não o fazer

Onde as posso trocar?

Poderá trocar as notas estragadas ou deterioradas diretamente nas instalações do Banco de Portugal ou também pode enviá-las por correio.

Presencialmente

Poderá deslocar-se às tesourarias do Banco de Portugal em Lisboa, à Filial do Porto, às agências do Banco de Portugal em Braga, Viseu, Coimbra, Évora e Faro, ou às delegações regionais da Madeira e dos Açores, e iniciar o processo que terminará com a recuperação do valor da nota.

Terá de se identificar e entregar as notas, recebendo em troca um documento de quitação. Terá também de indicar o IBAN da sua conta, na qual será creditado o valor da nota, ou notas, que entregou.

Envio pelo correio

Em alternativa, poderá enviar pelo correio, mas terá de cumprir alguns procedimentos, nomeadamente:

  • Coloque as notas estragadas num envelope fechado onde deverá escrever no exterior “Contem numerário”, bem como detalhar as notas que contem no interior, o seu valor facial e total.

  • Deverá incluir folha com a sua identificação (nome, número de cartão de cidadão ou numero de passaporte, morada, email, número de telefone), bem como o IBAN da sua conta, onde lhe será creditado o valor da nota, ou notas, que entregou.

  • Insira o envelope e a folha com os dados identificativos dentro de um segundo envelope. Por fora deste, escreva “serviço especial de valor declarado” e envie por Correio Registado para : Banco de Portugal - Departamento de Emissão e Tesouraria - Unidade Central de Operações com Numerário - Apartado 2001 - 100-012 Lisboa

Envelope com referência a “serviço especial de valor declarado”

É importante que faça esta menção no envelope, já que este serviço garante, em casos de perda, extravio, o reembolso pelo valor real da perda, não podendo, no entanto, exceder a importância declarada e tendo um máximo de cinco mil euros.

O que acontece às notas estragadas entregues?

A nota que entregou ou enviou pelo correio, segue para o serviço de valorização de notas do Banco de Portugal. Aí, os fragmentos vão servir para reconstituir a nota e será avaliada a sua autenticidade. Se a nota cumprir os requisitos, será “valorizada”, ou seja, será apurado o valor a devolver-lhe.

Como recebo o valor das notas estragadas?

O valor das notas será creditado, através do IBAN que indicou aquando da entrega da nota. Assim, se por lapso não o fez, receberá uma notificação para se dirigir a uma tesouraria do Banco de Portugal onde receberá o valor das notas entregues.

Passou um mês e ainda não recebi o dinheiro

O tratamento dos processos é feito por ordem de chegada e, os casos mais complexos, podem demorar mais tempo. Mas, se der o seu endereço de e-mail juntamente com os dados de identificação, receberá informação sobre a receção do seu pedido e sobre o número de processo. Com este número, pode ir obtendo mais informações.

O que acontece aos fragmentos das notas que não foram valorizadas?

Os fragmentos das notas que não foram valorizados, são devolvidos aos proprietários, sendo enviados para a morada indicada aquando da sua entrega.

E aos fragmentos valorizados?

Os fragmentos de notas valorizados, bem como as restantes notas que o Banco de Portugal retira de circulação, são enviados, pelo próprio regulador, para destruição. São, assim, compactados em pequenos rolos e enviados para centrais de tratamento e valorização de resíduos para a produção de energia elétrica.

Leia também: Conheça as novas regras para enviar encomendas internacionais

O que é uma nota tintada?

As notas tintadas podem ser o resultado de um assalto a uma caixa multibanco. As manchas de tinta podem ter sido causadas pelos sistemas inteligentes de neutralização de notas, que são mecanismos de segurança instalados em caixas automáticos ou em malas de transporte de dinheiro.

O objetivo é marcar ou destruir parcialmente essas notas. Desta forma ninguém as poderá usar.

Geralmente, as manchas de tinta têm cores como violeta, verde, azul, vermelho e preto e estão mais concentradas nos extremos das notas.  Existem outros sistemas que utilizam cola, unindo as notas em bloco e fazendo com que seja impossível remover uma sem que se rasgue em pedaços. Por vezes, os criminosos tentam lavar as notas, mas não conseguem que a tinta desapareça totalmente.

Tenho uma nota tintada. O procedimento de entrega é o mesmo?

Não. Se tem na sua mão uma nota tintada deverá entregá-las no seu banco, no Banco de Portugal ou na Polícia Judiciária. Terá de preencher um formulário com os seus dados pessoais e uma breve descrição da forma como lhe chegou a nota às mãos. Segue-se a fase de análise da nota e investigação da sua origem. 

Também posso trocar moedas com ferrugem?

A troca de moedas deterioradas também pode ser feita no Banco de Portugal. Assim, se guardou moedas num mealheiro por muito tempo e estão ferrugentas e, por isso, impróprias para circular, desloque-se a uma tesouraria do Banco de Portugal. Depois de verificarem a autenticidade será reembolsado pelo seu valor.

Leia ainda: Você sofre de dinheirofobia?

Partilhe este artigo
Artigos Relacionados
Ver todos
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais
Deixe o seu comentário

Indique o seu nome

Insira um e-mail válido

Fique a par das novidades

Receba uma seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser para receber a seleção de artigos que escolhemos para si.

Ative as notificações do browser
Obrigado pela subscrição

Queremos ajudá-lo a gerir melhor a saúde da sua carteira.

Não fique de fora

Esta seleção de artigos vai ajudá-lo a gerir melhor a sua saúde financeira.